Vida FM Asa Branca Salgueiro FM Salgueiro FM

2ª edição do Tom do Nosso Quintal consolida evento no calendário cultural de Salgueiro

Concluída nessa quinta-feira, 30, a 2ª edição do Tom do Nosso Quintal mostrou que o evento veio para ficar, consolidando-se no calendário cultural de Salgueiro. A festividade começou segunda-feira, 27, oferecendo ao público salgueirense e da região uma diversidade de atrações culturais de cada um dos municípios do Sertão Central. As apresentações aconteceram no pátio do Museu do Couro, onde artesãos e artesãs também expuseram seus produtores para venda.

Durante os quatro dias do evento subiram ao palco o Coral Aboios de Serrita, enaltecendo a cultura do vaqueiro; o grupo Zumbi Dança Afro e Percussão, de Mirandiba, que encantou a plateia com a riqueza de músicas contando a história de mulheres e homens negros escravizados; a banda de pífanos Alvorada de Santa Rita, alertando para a necessidade de fomento aos pifeiros e artesãos, cada vez mais em declínio; e a Cia de Dança na Pisada do Sertão (Terra Nova), com uma verdadeira aula espetáculo, misturando caboclinho, coco, maracatu, ciranda e afro.

Em cada noite, a programação foi encerrada por um sanfoneiro. O público dançou muito forró pé de serra, xote, baião e mazuca ao som de Edgar do Cedro, Valmir Maracanã (São José do Belmonte), Antônio da Mutuca (Salgueiro) e Luís de Verdejante. O repertório contemplou muitos sucessos, desde os hits mais atuais até os clássicos do forró das antigas e Luiz Gonzaga. Destaque para Antônio da Mutuca, que tem chamado atenção dos críticos e estudiosos da sanfona com o seu instrumento de oito baixos. Esse tipo de sanfona é uma raridade, porque não é mais fabricado.

Nivaneide Costa, produtora cultural do projeto, já tem perspectiva de realizar a próxima edição. “Foi gratificante poder realizar essa 2ª edição do Tom do Nosso Quintal. Pude ver que as cerca de 150 pessoas por noite que estiveram presentes apreciaram as manifestações, a cultura popular que é nossa e que pertence à nossa identidade. Elas tiveram a oportunidade de conhecer o que as oito cidades do Sertão Central têm pra mostrar, cada uma com sua particularidade. Tenho certeza que, no próximo ano, a gente vai proporcionar tudo isso novamente”, comentou.

O 2° Tom do Nosso Quintal foi realizado de 27 a 30 de novembro, com organização da produtora Costa Criações Culturais e coordenação de Gustavo Matias. Teve patrocínio do Governo de Pernambuco, por meio do Fundo Pernambucano de Incentivo à Cultura (Funcultura/Fundarpe).

Da redação do Blog Alvinho Patriota