Criança desmaia de fome em uma escola pública do Distrito Federal

Um menino de 8 anos desmaiou de fome em uma sala de aula do Distrito Federal, na última segunda-feira (13). A escola atende crianças que moram longe e levam por volta duas horas para chegar. Muitas, sem almoço.

A criança faz parte de um grupo de alunos carentes que moram em um conjunto do Minha Casa, Minha Vida, no Paranoá Parque.  De acordo com Ana Carolina Costa, professora do 2º Ano Fundamental, o menino chegou à escola chorando. “Ele estava com a mão no peito, coração disparado, passando mal. Cheguei a levá-lo para a direção. Por lá, ele desmaiou duas vezes e não reagia”.

A professora acionou o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e chamou os três irmãos do menino, que também são alunos da escola. Segundo as crianças, eles não tinham comido nada no domingo. Na segunda, a única coisa que comeram foi um mingau de fubá (fubá, água e sal).

Ana Carolina conta que chorou assim que percebeu que o menino havia desmaiado de fome. “O rapaz do Samu não acreditou no que estava vendo. Eu disse a ele que é sempre assim. Tenho dois alunos que reclamam de fome todos os dias”. 

O Sindicato dos Professores (Sinpro-DF) já pediu à Secretaria de Educação a construção de uma escola na região do Paranoá Parque. “Se não é possível construir agora, a escola tinha de, no mínimo, oferecer uma refeição na entrada: arroz, feijão e frango, e um lanche à tarde”, disse Samuel Fernandes, diretor da entidade.

Fonte: A Tribuna

Ex-assessor implode Geddel e revela que ajudou a destruir provas contra o peemedebista

O assessor parlamentar Job Ribeiro Brandão, funcionário de confiança do ex-ministro Geddel Vieira Lima e de seu irmão Lúcio, deputado federal, foi convocado para uma missão delicada. Graças a um habeas corpus, Geddel, um líder do PMDB, ex-ministro do governo Temer e integrante do círculo de amigos mais próximos do presidente Michel Temer, havia deixado a penitenciária da Papuda, em Brasília, na noite de 13 de julho. De volta a Salvador para cumprir prisão domiciliar, Geddel tinha pressa. Preocupado com a possibilidade de as investigações da Operação Lava Jato o devolverem ao cárcere, Geddel incumbiu Job de destruir documentos, agendas e anotações. Assim fez Job. Papéis foram picotados e jogados na privada; outros documentos foram colocados em sacos de lixo e descartados. Estava limpo o terreno caso houvesse uma nova batida da Polícia Federal.

Mas memória não vai para o lixo. A operação secreta foi revelada por Job, em um depoimento inédito ao qual ÉPOCA teve acesso com exclusividade, e constitui um grave relato de interferência nas investigações, capaz de agravar a situação de Geddel. Job contou um pouco do que sabe ao delegado Marlon Cajado na Superintendência da Polícia Federal da Bahia, em Salvador, na terça-feira, dia 14, como uma mostra de boa vontade e disposição para firmar um acordo de delação premiada com a Lava Jato. A memória de Job é perigosa para Geddel e seu irmão Lúcio. Em prisão domiciliar desde setembro, o ex-­assessor pretende tornar públicas suas lembranças para se livrar da pena.

Job foi alvo de prisão domiciliar porque suas impressões digitais foram identificadas nas notas poucos dias depois de a Polícia Federal descobrir a caixa-forte de Geddel num pequeno apartamento em Salvador. As imagens com malas cheias de dinheiro, mais exatamente com R$ 51 milhões, correram o mundo como prova desvergonhada de corrupção. Ged­del voltou à Papuda, porque o apartamento fora emprestado a ele e ao irmão. Lúcio, no entanto, nada sofreu por estar protegido pelo foro privilegiado. Era óbvio que as impressões dos dedos de Job estariam na bufunfa. Contratado como assessor parlamentar, pago com dinheiro público, uma das principais atividades de Job sempre foi contar dinheiro para os Vieiras Lima, como ele mesmo diz.

Job teve uma longa história de relacionamento com a família. Começou a trabalhar como secretário parlamentar do patriarca Afrísio Vieira Lima, que também foi deputado federal, no fim da década de 1980. Depois, passou a ser assessor parlamentar de Geddel, entre 1991 e 2007, quando ele exerceu mandatos de deputado federal, e se tornou funcionário de Lúcio Vieira Lima em 2011. Job só foi exonerado por Lúcio, no mês passado, após se tornar um investigado. Com um histórico desses,  tinha acesso direto e privou da intimidade dos Vieiras Lima.

Procurado, o advogado de Job, Marcelo Ferreira, confirma que seu cliente quer fazer delação premiada e estuda entrar com uma ação na Justiça pedindo ressarcimento dos valores de seu salário que eram devolvidos à família Vieira Lima. “Apesar de figurar nos registros da Câmara dos Deputados como secretário parlamentar, na prática as atividades de Job se resumiam aos interesses pessoais dos parlamentares e familiares, um verdadeiro empregado doméstico, refém das circunstâncias e obrigado a devolver a maior parte de seu salário, pago pelos cofres públicos”, diz o advogado.

A defesa da família Vieira Lima afirmou que não comentaria o caso, por não ter tido acesso ao depoimento de Job. “(Job) É uma pessoa que trabalhava pra gente há 30 anos, então não estou sabendo de muita coisa que ele está dizendo, aí eu não posso dar opinião não, só o advogado mesmo”, disse Marluce Vieira Lima. O deputado Lúcio Vieira Lima disse que só seu advogado poderia responder. A defesa de Geddel argumentou que as buscas no apartamento com os R$ 51 milhões foram ilegais porque partiram de denúncia anônima.

Fonte: Revista Época

Deputados revogam prisão e mantêm no cargo presidente da Alerj

Menos de 24 horas depois da prisão, o presidente da Assembleia Legislativa do Rio, Jorge Picciani, e outros dois deputados do PMDB suspeitos de receber propina deixaram a cadeia. Eles estavam presos por determinação do Tribunal Regional Federal, mas os colegas deputados decidiram soltá-los.

A Assembleia Legislativa amanheceu atrás de grades. Sessenta dos 70 deputados da Casa interromperam o feriado prolongado para votar às pressas o destino dos três deputados do PMDB.

Primeiro, a Comissão de Constituição e Justiça decidiu que a votação do parecer seria reservada. O filho de Jorge Picciani, o deputado Rafael Picciani, provocou risos ao discordar da decisão.

Rafael Picciani não quis votar, e a comissão aprovou a soltura dos deputados por quatro votos a dois. Em seguida, o parecer foi levado ao plenário

Jorge Picciani, Paulo Melo e Edson Albertassi foram presos na quinta-feira (16), depois de uma decisão do Tribunal Regional Federal. Eles são acusados de receber propina para defender interesses de empresários.

Os cinco desembargadores que votaram entenderam que os deputados cometeram crime em flagrante e inafiançável. Mas concordaram que a decisão precisaria ser submetida à Assembleia Legislativa do Rio, como manda a Constituição do estado.

Os deputados já tinham começado a votar, quando o movimento dos servidores públicos conseguiu uma liminar para ocupar as galerias da Assembleia. Só que a oficial de Justiça foi barrada pelos seguranças da Casa. Um deputado da oposição tentou liberar a entrada, e houve tumulto.

A oficial de Justiça entrou e notificou a Alerj. Mas os deputados que apoiam os parlamentares presos mandaram funcionários dos gabinetes ocuparem as galerias e não sobrou vaga para mais ninguém.

A única pressão sobre os deputados vinha do lado de fora. Por volta das 16h, um grupo tentou derrubar as grades que cercavam a Alerj. Os policiais reagiram com bombas de efeito moral e balas de borracha. 

Por 39 votos a 19, a Assembleia Legislativa decidiu revogar a prisão. E também manter os deputados no cargo. Cinco parlamentares que eram secretários do governador Luiz Fernando Pezão e foram exonerados na semana passada ajudaram no placar.

Fonte: Jornal Nacional

Ex-prefeito de Lagoa Grande é multado por descumprir processo de transição

O Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco (TCE-PE), através da Segunda Câmara, aplicou esta semana uma multa no valor de R$ 4.000 ao ex-prefeito de Lagoa Grande, Dhonikson Amorim, por descumprir o processo de transição na prefeitura. Dhonikson foi prefeito de Lagoa Grande no período de 2013 a 2016.

A representação foi feita por Abnilton Alves do Amaral, coordenador da equipe de transição do prefeito eleito em 2016, Vilmar Capellaro. O tribunal instaurou uma auditoria especial para averiguar a denúncia e isso resultou na punição.

Após analisar as acusações feitas por Abnilton e a defesa do ex-prefeito, a equipe de auditoria do TCE chegou à conclusão que ocorreram algumas infrações à “Lei de Transição”, que foi originada por um projeto apresentado pela deputada Raquel Lyra na Alepe.

Foi constatada ausência de acesso ao cadastro do pessoal ativo; não disponibilização da relação de fornecedores, prestadores de serviços e respectivos contratos; falta de informações sobre o inventário dos bens móveis e imóveis; não disponibilização dos termos de parceria firmados no final da gestão e falta de informações sobre a contabilidade municipal.

Considerando o relatório da equipe de auditoria e a defesa de Dhonikson, o TCE-PE entendeu ter havido descumprimento à Lei Complementar durante a transição de governo, julgou o objeto da auditoria regular, com ressalvas, e aplicou a multa.

Da redação do Blog Alvinho Patriota

Motorista fica gravemente ferido após capotar carro entre Floresta e Petrolândia

Um carro modelo Chevrolet Classic capotou na manhã dessa quinta-feira (16) na rodovia BR-316, entre as cidades de Floresta e Petrolândia. O Corpo de Bombeiros foi acionado e prestou os primeiros socorros ao motorista do veículo, Livino Cordeiro de Castro Neto, de 26 anos.

O condutor do carro foi levado para o Hospital Coronel Álvaro Ferraz, em Floresta, com suspeita de lesão na coluna cervical e teve de ser encaminhado para um hospital especializado em Recife. A Polícia Militar esteve no local, mas não sabe o que teria provocado o acidente.

Da redação do Blog Alvinho Patriota

Matrículas para o programa Nova Semente começam no próximo dia 27

Começa no próximo dia 27 o processo de matrículas para crianças novatas e os alunos já atendidos pelo programa de primeira infância Nova Semente, em Petrolina. Os cadastros seguem até o dia 30 de novembro.

Segundo a Secretaria de Educação, em 2018 haverá um aumento no número de vagas do programa. As unidades atenderão de forma gratuita e integral 7 mil alunos de seis meses a três anos e 11 meses.

Os pais interessados em fazer as matrículas, devem procurar uma das unidades portando cópia da certidão de nascimento, uma foto 3×4 recente, comprovante de residência com CEP, cópia da carteira de vacinação, RG, CPF e Número de Inscrição Social (NIS).

Da redação do Blog Alvinho Patriota

Produção animal no Nordeste brasileiro foi discutida em congresso na Univasf de Juazeiro-BA

O Complexo Multieventos da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), em Juazeiro-BA, sediou de terça-feira (14) até essa quinta-feira (16) o XII Congresso Nordestino de Produção Animal (CNPA). Durante o evento foram apresentados trabalhos técnico-científicos e debates sobre a “Produção Animal no Nordeste: Construindo pontes entre o ensino, a pesquisa e a extensão”.

Cerca de 850 pessoas participaram do evento, entre estudantes de graduação, pós-graduação, ensino médio, técnicos, produtores rurais, cientistas e pesquisadores. Segundo os organizadores, esta diversidade de formação e de experiência foi um ponto central do congresso, que terá consequências importantes na identificação de demandas que orientem ações de pesquisa.

A programação envolveu a realização de minicursos e palestras em áreas do conhecimento que abrangem a Apicultura, Meliponicultura e Animais Silvestres; Extensão Rural e Desenvolvimento Sustentável; Ambiência, Bioclimatologia, Comportamento e Bem-Estar Animal; Nutrição e Produção de Ruminantes; Nutrição e Produção de Não Ruminantes; Forragicultura e Pastagens; e Genética, Melhoramento e Reprodução animal.

Também foram realizados fóruns de coordenadores de Pós-Graduação do Nordeste, dos cursos de Graduação, de capacitação em Assistência Técnica e Extensão Rural (ATER) e integração da academia com os produtores. O evento ainda abrigou nove simpósios sobre temas variados, que alternaram a abrangência do tema “criação animal” no Vale do São Francisco e no Nordeste.

Da redação do Blog Alvinho Patriota

Feira do Conhecimento da Escola Pais e Mestres destaca importância da Matemática no cotidiano

Disciplina não muito benquista pelos estudantes, a Matemática é o tema principal da 3ª Feira do Conhecimento da Escola Pais e Mestres, realizada nesta sexta-feira (17). Aberta para visitas da população em geral, a atividade foi desenvolvida das 9h às 12h, no turno da manhã, e prossegue esta tarde, das 14h às 17h, em todas as salas de aula da unidade escolar localizada na Avenida Pantaleão Rodrigues de Carvalho, em Salgueiro.

Com o tema “O Universo é Matemático”, a Feira do Conhecimento deste ano destaca a presença da Matemática em vários setores do cotidiano, como na medicina, alimentação, fotografia, música e no trânsito. Quem visitou os estandes espalhados por várias salas, recebeu uma verdadeira aula de matemática dentro do contexto do dia a dia, ministrada pelos alunos de todas as turmas. 

De acordo com a direção da escola, os principais objetivos da Feira são: Compreender a Matemática como uma ciência universal; gerar novas descobertas que estimulem o prazer e o aprendizado da Matemática nos diferentes contextos; promover ações diferenciadas que proponham um novo olhar sobre a Matemática como uma disciplina de construção e reconstrução; estimular a socialização de conceitos estudados; incentivar a participação em atividades interdisciplinares e transdisciplinares; e participar da Olimpíada de Matemática Pais e Mestres – OMPM.

“A provocação dada ao tema da III Feira do Conhecimento, impulsionou uma larga escala de buscas em relação à proposta de estudo, que venha contribuir com a aprendizagem do estudante como fundamentação para compreender fatos, interferir, utilizar a favor de transformações necessárias ao seu crescimento na sua relação com o outro e para o outro no que diz respeito ao uso da matemática”, explica e direção da escola, em cartilha de apresentação do evento.

Da redação do Blog Alvinho Patriota

Salgueiro vai ser palco da “II Bienal do Livro do Sertão” na próxima semana

Depois do sucesso da primeira edição em 2014, a cidade de Salgueiro sedia na próxima semana a “II Bienal do Livro do Sertão”. O evento vai ser realizado de 22 a 26 de novembro nas dependências da Escola Municipal Dom Malan, na Rua Carlos Soares de Brito, no Centro.

Presenças confirmadas de Carol Barcellos, com palestra e lançamento de livro; Toinha do Assaré, com palestra e lançamento de livro; padre João Carlos, com show e lançamento de livro; Maciel Melo, apresentação musical e lançamento de uma publicação; e Braulio Tavares, que também ministrará palestra e fará lançamento de livro.

A realização é da Associação do Nordeste das Distribuidoras e Editoras de Livros – ANDELIVROS, com apoio da prefeitura, Secretaria Municipal de Educação, ATEL, Escola Pais e Mestres e UNOPAR. 

Da redação do Blog Alvinho Patriota

Prefeito de Sertânia suspende seleção simplificada e culpa oposição por provocar Ministério Público

Por recomendação do Ministério Público de Pernambuco (MPPE), o prefeito de Sertânia, Ângelo Ferreira, suspendeu a seleção pública simplificada que realizaria este mês para preencher vagas na administração municipal. Segundo Ângelo, os contratos temporários seriam de apenas um ano, tempo suficiente para a prefeitura fazer estudos e projetos de lei na definição e quantidade de cargos de provimentos efetivos, que devem ser preenchidos através de concurso.

Através de nota enviada à imprensa, Ferreira culpa os vereadores da oposição pela suspensão do processo seletivo. “Infelizmente, os vereadores de oposição, os senhores Orestes Neves de Albuquerque (PT), Cícero Edvandro de Melo (PCdoB), Dorgival Rodrigues dos Santos (PSD) e Severino Veras (PTB), sem nenhuma consulta aos inscritos para saber se queriam que fosse cancelada a seleção, entraram com representação junto ao Ministério Público Estadual, questionando o Edital da Seleção Simplificada”, acusou.

Para o prefeito de Sertânia, a ação dos referidos vereadores fez o Ministério Público editar a Recomendação n° 015/2017, indicando que a seleção deveria ser cancelada e estabelecendo prazos e formas de contratações a serem adotadas pelo Município, sem prejuízo da manutenção dos serviços públicos.

“Diante de tal recomendação do MPPE, a Prefeitura de Sertânia, para que não haja mais questionamentos, nem dificuldades para a população assistida pelo poder público, cancela a referida seleção e vai seguir o recomendado constante naquele documento, inclusive, quanto ao concurso público que será realizado em 2018”, informou.

Da redação do Blog Alvinho Patriota

Condições da PE-630 são discutidas em audiência pública na cidade de Dormentes

Dormentes sedia nesta sexta-feira (17) uma audiência pública sobre as condições de trafegabilidade da PE-630, realizada pelo Conselho Popular de Petrolina. A reunião acontece a partir das 9h no Sindicato dos Trabalhadores Rurais. No roteiro da estrada estão as cidades de Petrolina, distrito de Rajada (Petrolina), Dormentes, Santa Filomena, Ouricuri, Barra de São Pedro (Ouricuri) e Trindade.

Os 148 km da rodovia estão desgastados atualmente e isso dificulta o tráfego de carros, motos, carretas e caminhões, com riscos de acidentes no percurso. A estrada é muito importante para a economia da região, pois serve para o escoamento de produções da caprinovinocultura, gesso, frutas e cerâmica.

O Conselho Popular está realizando audiências nas cidades beneficiadas pela estrada estadual, para elaborar um documento e entregar ao governador Paulo Câmara, requisitando melhorias na rodovia.

Da redação do Blog Alvinho Patriota

Representante da Azul diz que Aeroporto de Serra Talhada só receberá voos comerciais em 2018

O Aeroporto de Serra Talhada foi inspecionado no início desta semana por uma comitiva formada pelo secretário de Transportes de Pernambuco, Sebastião Oliveira, representantes do Ministério dos Transportes, Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), Infraero, da empresa Azul Linhas Aéreas, entre outras entidades.

Na oportunidade, o representante da Azul, Ronaldo Veras, disse que os voos comerciais só devem começar a operar no Sertão do Pajeú no início de 2018. “A partir do momento que o aeroporto é certificado, o ideal para funcionar são 60 dias, porque só o treinamento do pessoal dura um mês”, disse, prometendo que vai contratar mão de obra da cidade.

Sebastião Oliveira ficou desapontado com a informação e afirmou que vai fazer o possível para que os quatro voos semanais comecem a funcionar já no fim deste ano.

Da redação do Blog Alvinho Patriota

Governo de Pernambuco reforça policiamento em Garanhuns e municípios vizinhos

Dentro do Plano de Segurança de Pernambuco, o Governo do Estado oficializou nessa quinta-feira (16) o incremento de mais 40 homens e mulheres no 9° Batalhão de Polícia Militar, que vão reforçar o policiamento em Garanhuns e outros 19 municípios da Área Integrada de Segurança n° 18 (AIS-18). O batalhão também recebeu três novas viaturas para as operações da Patrulha Maria da Penha, Patrulha Escolar e Proteção ao Turista.

Durante solenidade em Garanhuns, o governador Paulo Câmara prometeu preencher todas as delegacias a partir de janeiro e colocar outros 1.300 policiais nas ruas em março de 2018. “Estamos também, a partir de janeiro, mandando delegados para preencher todas as delegacias de Pernambuco. Então, o Agreste Meridional terá um reforço importante. A partir do mês de março do próximo ano, são outros 1.300 policiais que irão às ruas para reforçar ainda mais o policiamento”, informou.

Os 40 novos policiais militares do 9° BPM vão atuar em Garanhuns, Capoeiras, Jucati, Jupi, Lajedo, Calçado, Caetés, São João, Angelim, Canhotinho, Paranatama, Brejão, Saloá, Palmeirinha, Correntes, Lagoa do Ouro, Terezinha, Bom Conselho, Iati e Águas Belas. O policiamento ostensivo deve prevenir crimes e aumentar a sensação de segurança dos moradores destes municípios.

Da redação do Blog Alvinho Patriota

Oficina de arte é oferecida no Centro de Internação Provisória de Petrolina

Socioeducandos do Centro de Internação Provisória (Cenip) de Petrolina participam desde outubro da oficina de Arte com Cimento. A atividade acontece de forma continuada e é oferecida através de uma parceria firmada com a Secretaria de Cultura, Turismo e Esporte de Petrolina e a Casa do Artesão.

A oficina é realizada duas vezes por semana, em duas horas de aula, nas quais os alunos aprendem a produzir caqueiras, tigelas e jarros de vários tamanhos. Os objetos podem ser comercializados e ajudar na renda dos adolescentes. Um jarro, por exemplo, pode ser vendido entre R$ 10,00 e R$ 500,00, dependendo da altura.

Professora da oficina, Dona Nina lembra que a atividade pode ajudar os adolescentes a tomar um novo rumo na vida. “Com a oficina, eles aprendem algo bom, estão fazendo uma arte que pode significar uma renda extra”, destaca.

Para o pedagogo do Cenip, Amós Lemos, é sempre bom que os socioeducandos tenham mais uma ocupação, para que eles possam dar continuidade fora da unidade.

Da redação do Blog Alvinho Patriota