Dilma: ‘Cunha não só manda: ele é o governo Temer’

A presidenta Dilma Rousseff disse que o processo de impeachment aberto contra ela teve como objetivo paralisar as investigações da Operação Lava Jato e para ser posta em andamento uma “política ultraliberal em economia e conservadora em todo o resto”. “Com cortes drásticos de programas sociais. Um programa que não tem legitimidade pois não teve o respaldo das urnas”, afirmou Dilma à Folha de S.Paulo.

Dilma disse que o presidente afastado da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, é a pessoa central do governo interino de Michel Temer. “Isso ficou claríssimo agora, com a indicação do André Moura (deputado ligado a Cunha e líder do governo Temer na Câmara). Cunha não só manda: ele é o governo Temer. E não há governo possível nos termos do Eduardo Cunha.” Para que o governo Temer seja viável, Dilma afirma: “Vão ter de se ajoelhar”.

A respeito dos fatores que levaram ao seu afastamento, Dilma disse que o economista e prêmio Nobel Joseph Stiglitz fez um diagnóstico perfeito sobre o Brasil: “A crise econômica é inevitável. O que não é inevitável é a combinação danosa de crise econômica com crise política. O que aconteceu comigo? Houve a combinação da crise econômica com uma ação política deletéria. Todas as tentativas que fizemos de enviar reformas para o Congresso foram obstaculizadas, tanto pela oposição quanto por uma parte do centro politico, este liderado pelo senhor Eduardo Cunha”.

A presidenta lembra das “pautas-bomba”, com gastos de R$ 160 bilhões e diz que estava por trás disso a criação de um ambiente de impasse, propício ao impeachment. “Cada vez que a Lava Jato chegava perto do senhor Eduardo Cunha, ele tomava uma atitude contra o governo. A tese dele era a de que tínhamos que obstruir a Justiça.”

Mas Dilma acredita na reversão desse processo. “Vários senadores, quando votaram pela admissibilidade disseram que não estavam declarando (posição) pelo mérito. Então eu acredito. Sobretudo porque as razões do impeachment estão ficando cada vez mais claras. E elas não têm nada a ver com seis decretos ou com Plano Safra (medidas consideradas crimes de responsabilidade)”, disse.

Traição

Dilma fala sobre a traição do vice Michel Temer como a pior de todas, e que ela não ocorreu no dia da votação do processo de impeachment, mas em março, “quando as coisas ficaram claríssimas”. “Você sempre acha que as pessoas têm caráter. Eu diria que ele não foi firme. Tem coisas que você não faz.”

Famosa por sua bravura, a presidenta disse que não chorou no dia em que foi afastada: “Eu não choro, não. Nas dores intensas, eu não choro. Cada um é cada um, né?”.

Pato

Para Dilma, Temer deveria defender a volta da CPMF e lembra que seu governo defendeu a volta da contribuição “sem pudor”. “Nós passamos um ano terrível em 2015 e fizemos todo o esforço para não ter corte em programa social. Nós nunca entramos nessa do pato “(símbolo criado pela Fiesp para protestar contra aumento de impostos). Aliás, o pato tá calado, sumido. O pato tá impactado. Nós vamos pagar o pato do pato, é?

Fonte: Rede Brasil Atual

Temer e Gilmar trucidaram o conceito de decência ao se encontrarem furtivamente no Jaburu

O pior pecado depois do pecado é a publicação do pecado. Você sabe quanto gosto desta grande frase de Machado. O Machado certo, o de Assis, e não o Machado errado, o delator.

É exatamente isso que aconteceu quando Gilmar Mendes se esgueirou até Temer no Jaburu, na noite de sábado, para tratar sabemos bem o quê.

Citei Machado, o certo, e acrescento George Orwell, o gigantesco jornalista inglês de meados do século passado.

Orwell escreveu que os jornais são propriedade de homens ricos interessados em tratar de forma desonesta assuntos delicados.

Alguma relação com Marinhos, Frias, Civitas? Nenhuma, naturalmente.

Orwell defendia um conceito que ele definia como “common decency”. Numa tradução livre, decência básica.

A reunião furtiva de Temer e Gilmar infringe, melhor, trucida a “common decency” orwelliana.

Num momento em que pairam sob os eminentes magistrados do STF suspeitas pesadas de participação no golpe, é um acinte, uma bofetada, uma cusparada na sociedade que tal encontro tenha ocorrido.

É a demonstração de que Marcelo Rubens Paiva estava inteiramente certo quando disse em resposta a uma bravata de Toffoli, o pupilo de Gilmar, que nossas instituições são “uma merda”.

Sei que minha mãe reprovaria que eu use uma palavra tão vulgar, ela que era um exemplo de elegância ao falar, mas infelizmente não existe outra que defina tão bem as instituições brasileiras, algo comprovado pela ida de Gilmar ao Jaburu.

Espero sentado por um único editorial dos grandes meios que reprove a conduta de Gilmar e Temer. E serei obrigado a me deitar à espera de que os comentaristas da Globo, Folha etc notem o crime de lesa democracia representado pelo encontro.

Nem que Gilmar tivesse ido ao Jaburu para jogar tranca ou tomar chá isso teria sido decente.

Isto se chama golpe.

Sem surpresa, li num site da Globo a notícia. Estava escondida no pé de uma nota. O título destacava outra coisa.

Este é o estado de entorpecimento moral de outra peça das instituições putrefatas brasileiras, a imprensa plutocrata.

Gilmar — indicado por FHC, aquele que acoelhado fugiu de uma palestra em Nova York porque seria desmascarado pela plateia como golpista — simboliza o STF pavoroso do qual somos todos vítimas.

Faz muito tempo que ele, certo da proteção da mídia e da omissão de seus pares, age como um militante político raivoso e ensandecido e não como um juiz.

Ele escarnece todos os dias e todas as horas da sociedade, com suas palavras desonestas e seu horroroso sorriso debochado.

Gilmar já foi pilhado publicamente conversando com Bonner numa reunião de pauta do Jornal Nacional. Num mundo menos imperfeito, ele teria sofrido impeachment por aquela barbaridade.

Não é apenas a política que exige uma reforma radical, que se inicie pelo fim do financiamento privado das campanhas, a forma pela qual a plutocracia toma de assalto a democracia.

Tão importante quanto limpar a política do poder do dinheiro sujo e corrupto é fazer uma faxina na Justiça, especificamente no STF de Gilmar.

As futuras gerações nos chamarão de frouxos, covardes, pusilânimes se assistirmos de bunda no sofá — desculpe, mãe — às manobras imundas do STF que está aí.

Fonte: Diário do Centro Mundo

Jovem estuprada se sentiu desrespeitada durante depoimento na delegacia

Em entrevista exibida no Fantástico na noite deste domingo, 29, a jovem de 16 que sofreu um estupro coletivo na zona oeste do Rio de Janeiro, falou que se sentiu desrespeitada na delegacia durante o depoimento.

“Eram três homens dentro de uma sala de vidro, todo mundo que passava via. Ele botou na mesa as fotos, o vídeo exposto e falou ‘me conta aí’”, relembrou. “Ele perguntou se eu tinha o costume de fazer isso, se eu gostava de fazer isso. Eu parei imediatamente e falei: ‘não vou mais responder’”, continuou.

Ela afirmou ainda que está recebendo ameaças pelas redes sociais e que está “um pouco revoltada” com a repercussão do caso. “Tem pessoas falando que eu estou mentindo, sendo que eu estava desacordada no momento”, disse.

“Não interessa se eu tava com a roupa curta, onde eu estava, que horas eram”, continuou. “Não é nem questão de duvidar, elas falam que é mentira. São mulheres falando que eu procurei, que eu queria, sendo que poderia acontecer com elas”.

Sobre as fotos , áudios e vídeos que circulam na internet, ela afirma que tudo não passa de uma montagem feita por pessoas que querem incriminá-la para ficarem impunes.

Questionada pela repórter, a garota relembrou os fatos da noite do crime. “Quando eu acordei tinha um menino embaixo de mim, um menino em cima e dois me segurando. Eu comecei a chorar, tinham muitos homens, fuzil, pistola”, contou.

Ela disse também que não usou drogas no dia e que não contou depois pra família por vergonha.

Sobre o futuro, ela conta que só deseja esquecer o que houve e que também espera por justiça. “Quero esquecer aqueles momentos e tentar seguir em frente”.

Ao fim da entrevista, a repórter Renata Ceribelli perguntou o que ela deseja para os estupradores que a atacaram e a resposta foi enfática: “Desejo sinceramente uma filha mulher”.

Fonte: Catraca Livre

Sobe para 39 número de mortes por Síndrome Respiratória Grave em PE

Aumentou para 39 o número de mortes por Síndrome Respiratória Grave (SRAG), segundo o boletim divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde (SES), nesta sexta-feira (27). São duas a mais do que o registrado no boletim anterior, no dia 19 de maio. No entanto, não houve alteração no número de óbitos confirmados para a influenza H1N1. O período analisado corresponde até o dia 21 de maio.

As causas dessas mortes, entretanto, ainda estão sob investigação. Elas podem ter sido provocadas por diversos vírus, como adenovírus, vírus sincicial respiratório, influenza (A H1N1, AH3 Sazonal, B e vários outros subtipos), parainfluenza (1, 2 e 3), e diversas bactérias, além de outros agentes etiológicos, como fungos.

Ao todo, foram notificados 538 casos de SRAG, com 43 confirmações de influenza A H1N1. No mesmo período de 2015, foram notificados 516 casos de SRAG, sem nenhuma confirmação para A H1N1. Quanto as mortes, 19 casos de SRAG evoluíram para óbito, sem confirmação da influenza.

O boletim da SES também não demonstrou novidade em relação a Síndrome Gripal (SG), que consiste em casos considerados leves. Foram 224 notificações até o dia 14 de maio, das quais 36 resultados deram positivos para H1N1. No mesmo período do ano passado, não havia confirmações de casos de SG pelo vírus em questão.

Fonte: G1 Pernambuco

Propaganda chinesa é acusada de ser ‘a mais racista da história’

Um anúncio de sabão veiculado na China está causando indignação nas redes sociais do mundo todo e já vem sendo classificado como o “comercial mais racista” já veiculado.

Nele, um homem negro é “lavado” e passa a se parecer com um asiático de pele clara.

A propaganda começa com uma jovem chinesa lavando roupas. Um homem negro, com marcas claras no rosto, então aparece em cena. Após ambos se olharem sugestivamente, ela coloca um tablete do sabão na boca dele.

Em seguida, a jovem empurra o homem para dentro de uma máquina de lavar. Repentinamente, o homem negro reaparece transformado em um chinês de pele clara. A jovem parece encantada com o resultado.

A propaganda foi veiculada há cerca de um mês na televisão e nos cinemas na China. Na ocasião, não chamou muito a atenção de espectadores.

Após ser citada por celebridades em redes sociais, a peça publicitária começou a ficar conhecida em outros países, e acabou viralizando nos últimos dias.

A mídia local não deu muita atenção ao assunto, mesmo após os milhares de comentários de chineses na internet.

“Meu Deus. Os publicitários chineses não têm educação racial”, afirmou, por exemplo, o internauta @YY_CodingBear.

Outros usuários, no entanto, disseram não ter visto problemas na propaganda.

‘Não prestei muita atenção no anúncio’

O representante da empresa responsável pela propaganda disse não ter percebido o conteúdo racista.

“Não sei muito sobre aquele anúncio”, respondeu o dono da marca de sabão para lavar roupas Qiaobi à correspondente do serviço chinês da BBC, Grace Tsoi.

Ele, que se identificou apenas como sr. Xia, afirmou não ter notado que a peça era racista até ser avisado disso: “Para ser honesto, eu não prestei muita atenção no anúncio”, disse.

Outro anúncio similar causou polêmica na Itália tempos atrás. Um fabricante de sabão em pó divulgou uma peça publicitária na qual um homem de pele clara era “lavado” e se tornava negro.

Em outro episódio na própria China, uma marca de pasta de dente mudou de nome porque era conhecida como a “pasta de dente do homem negro”.

Fonte: BBC

Seis em cada dez cidades têm rombo nas contas

Pesquisa da Confederação Nacional dos Municípios mostra que pelo menos seis em cada dez prefeituras do País vão fechar o ano com as contas no vermelho. No caso dos Estados, o problema foi agravado por aumento da dívida e crescimento de despesas com pessoal. Nas prefeituras, o nó está na alta dependência de verbas da União, informam Anna Carolina Papp, Luiz Guilherme Gerbelli e Renée Pereira, na série de reportagens Desafios do Brasil.

Hoje, apenas 10% dos 5.570 municípios do País têm recursos próprios suficientes para bancar suas despesas. Na maioria dos casos, a principal fonte de verbas é o Fundo de Participação dos Municípios (FPM), composto pela arrecadação do Imposto de Renda e do IPI. Em 2015, o FPM teve queda real de 2,3% e, neste ano, de 13,7% até abril. Pelo menos R$ 165 bilhões deixaram de entrar nos cofres municipais entre 2003 e 2014. Desse total, R$ 122,7 bilhões são fruto de desonerações de IR e IPI, que diminuíram as transferências do FPM.

Salário está atrasado em 576 prefeituras

Um reflexo da crise financeira dos municípios é o comprometimento da renda dos funcionários públicos. Em 576 cidades, os prefeitos não têm conseguido pagar em dia o salário dos servidores. Desse total, 11% estão com atraso superior a seis meses.

Fonte: O Estado de São Paulo

Programação do São João 2016 de Monteiro, na Paraíba, é divulgada

A programação oficial do São João da cidade de Monteiro, no Cariri paraibano, foi divulgada pela prefeitura municipal. A festa que acontece entre os dias 12 e 28 de junho vai ter vinte shows no palco principal, além de outras apresentações artísticas. Este ano o tema do evento é “O Melhor São João de Todos os Tempos” e um dos shows mais esperados é o da cantora sertaneja Marília Mendonça.

De acordo com a programação divulgada pela prefeitura, entre os dias 12 e 28 de junho será realizado o festival de quadrilhas juninas, junto a apresentações culturais.

Os shows no palco central começam no dia 23 de junho, véspera de São João, com Dejinha de Monteiro, Pegada do Momento e Patrões do Forró. No dia 24 acontecem shows de Forró do Muído, Maike José, Chiquinho de Belém e Xodó do Cariri.

No dia 25, a festa no palco principal é comandada pela cantora Márcia Felipe, contando ainda com shows de Ramon do Acordeon, Adriano Silva e Neno Magnífico. No dia 26, é dia do show da banda Solteirões do Forró, Forró Gente Boa e Luciene Melo.

O show mais esperado do evento acontece no dia 27, com a cantora goiana Marília Mendonça. Neste dia ainda se apresentam Laerte Lins e Tony Farra. Já o encerramento do São João de Monteiro é comandado pela banda monteirense Magníficos, Forró + Eu e Franklin Dias, no dia 28 de junho, véspera de São Pedro.

Fonte: G1 Paraíba

Moro: Só prisão não basta para combater a corrupção

O juiz federal Sérgio Moro, responsável pela investigação da Operação Lava Jato, disse ontem (28) que a prisão de investigados não basta para combater a corrupção no país. De acordo com o juiz, também é necessário recuperar os valores desviados pelos criminosos, por meio de acordos de cooperação internacional ou de delação premiada. Moro participou neste sábado de uma conferência sobre combate à corrupção em João Pessoa-PB.

Moro destacou a importância dos acordos de cooperação internacional, principalmente com a Suíça, para repatriar ao Brasil recursos desviados da Petrobras para contas secretas no exterior. O juiz citou o caso de Pedro Barusco, ex-gerente da estatal e um dos delatores do esquema de corrupção, que tinha cerca de U$S 100 milhões depositados fora do país e devolveu a quantia após assinar um acordo de delação.

Segundo o magistrado, somente a pena de prisão não é suficiente para combater os desvios na Petrobras. “Hoje em dia, isso não é suficiente, também é necessário a recuperação do produto do crime. Não basta a punição, a sanção corporal, a pena privativa de liberdade. É necessário fazer com que o crime não compense financeiramente. Isso significa a necessidade de retirar do criminoso o produto de sua atividade.”

O juiz também ressaltou que a cooperação internacional nas investigações da Lava Jato é fundamental para a corroborar os depoimentos de delação premiada, que não podem ser usados unicamente como acusação no processo penal contra os investigados.

“Se os países não cooperam, simplesmente não se tem a prova do crime, e não se tem a possibilidade de recuperar esses ativos. É certo que parte do caminho do dinheiro foi descoberto através da colaboração de alguns desses indivíduos, que resolveram colaborar com a Justiça, mas, como se sabe, mesmo quando se tem essa colaboração, é sempre necessária ter a prova dessa colaboração, e essa prova às vezes é baseada nessa prova documental dos registros bancários”, explicou.

De acordo com levantamento da Procuradoria-Geral da República (PGR), foram repatriados para o Brasil até o momento R$ 2,9 bilhões por meio de acordos de colaboração.

Fonte: Agência Brasil

Polícias Civil, Militar e Federal estão em busca dos membros do ‘Novo Cangaço’

As polícias Civil e Militar de Pernambuco, Piauí e Bahia, além da Polícia Federal, estão em busca dos integrantes do grupo que se intitula como ‘Novo Cangaço’, que tem levado terror para várias cidades sertanejas, localizadas nos três estados citados. O grupo prefere atacar agências bancárias de cidades pequenas, mas antes, costuma metralhar os postos policiais. O último ataque de grande repercussão aconteceu em Curimatá, no Piauí. Cinco dos acusados foram mortos pela polícia.

De acordo com a Folha de PE, para o diretor do Sindicato dos Bancários de Pernambuco, João Rufino, é preciso unir inteligência policial e melhor estrutura para combater esses crimes. “Apesar de a cobrança por mais segurança nos bancos ser permanente, no caso do Interior, mesmo que houvesse todo tipo de investimento na agência, ficaria difícil evitar crimes quando a lacuna está do lado de fora. É crime organizado, que estuda a cidade, encontra só três, cinco policiais, e impõe terror. Falta maior integração entre as polícias nas fronteiras. As rotas de fuga são muitas naquela região”, disse o sindicalista.

O chefe de comunicações sociais da Polícia Federal em Pernambuco, Giovanni Santoro, explica que as ramificações dessa e de outras quadrilhas por outros estados está dificultando as ações dos policiais, mas ele confirmou a participação da Polícia Federal nas investigações. Giovanni ressalta que o grupo atacou o Piauí, mas é de Pernambuco e tem atuação interestadual. 

Da redação do Blog Alvinho Patriota

Tocha olímpica é recebida com grande festa na passagem por Cabrobó

cabroboA tocha olímpica, que está percorrendo cidades por todo o país, precedendo os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, passou nesta sexta-feira (27) pelo município de Cabrobó e foi recepcionada com uma grande festa organizada pela prefeitura. Centenas de cabroboenses saíram às ruas para prestigiar a passagem da tocha, que chegou ao município no turno da tarde.

Em Cabrobó, o símbolo olímpico foi carregado por 18 condutores representando diversos segmentos da sociedade. A tocha começou a percorrer Cabrobó pelo portal da cidade e passou pelas principais ruas e avenidas. No final do revezamento, a população conferiu atrações culturais em uma estrutura organizada pela prefeitura.

Após passar por Petrolina, Lagoa Grande, Santa Maria da Boa Vista e Cabrobó, em Pernambuco, a tocha olímpica seguiu para Paulo Afonso-BA, mas retornará ao território pernambucano na próxima semana, quando passará por Caruaru, Lajedo e Garanhuns.

Da redação do Blog Alvinho Patriota

Serra Talhada: Homem é morto com tiros de pistola em Serra Talhada

Nesta sexta-feira (27) o município de Serra Talhada registrou o 17° homicídio de 2016, aumentando as estatísticas da violência na principal cidade do Sertão do Pajeú. Segundo informações do site Farol de Notícias, Cristiano Pereira e Silva, 33 anos, residente no bairro Caxixola, foi executado com vários tiros na cabeça de pistola calibre 380.

A Polícia Civil informou que os disparos foram efetuados por dois homens em uma motocicleta. Para a polícia, o crime tem características de execução, mas não estão descartadas outras linhas de investigação. Amigos de Cristiano disseram que ele não tinha envolvimento com drogas, nem desavenças.

Da redação do Blog Alvinho Patriota

Danilo Pernambucano e Forrozão Mil animam a 24ª Festa da Pedra do Reino neste sábado

Cavalgada-a-Pedra-do-Reino-PNC-Sertao-Central-2015-Costa-Neto-02-607x404O município de São José do Belmonte está vivenciando mais uma edição da tradicional Festa da Pedra do Reino, com o tema “Romance d´A Pedra do Reino e o Príncipe do sangue do vai-e-volta”. Neste sábado (28), agora à tarde, será realizada a Cavalhada no Estádio O Carvalhão e à noite os belmontenses e visitantes se divertem com shows de Danilo Pernambucano e Forrozão Mil, no pátio de eventos.

Neste domingo (29), a programação começará cedo com o ponto alto da festa: a Cavalgada à Pedra do Reino. Na chegada haverá shows com João do Gado, Ruan Aboiador, Forró Pé de Serra, Zeca Bota Bom e Elson Vaqueiro.

A 24ª Cavalgada de São José do Belmonte é uma realização da Associação Pedra do Reino, com apoio da prefeitura e Governo do Estado.

Da redação do Blog Alvinho Patriota

Política brasileira precisa da corrupção para funcionar, diz pesquisador

Professor de ciência política da Universidade de Pittsburgh (EUA), o americano Barry Ames diz que o sistema político brasileiro não só favorece a corrupção, mas depende dela para seu funcionamento.

Segundo Ames, que pesquisa a evolução das instituições brasileiras desde a ditadura militar, não há possibilidade de que o governo consiga apoio majoritário do Congresso sem oferecer cargos e obras públicas para aliados, o que abre o caminho para desvios.

A solução, diz ele, passa por reduzir o número de partidos no Legislativo, diminuir os distritos eleitorais – para que os eleitores exerçam maior controle sobre os eleitos – e quebrar o oligopólio no setor de construção civil, que facilita conluios entre governo e empreiteiras.

Ele já havia feito parte do diagnóstico em Os entraves da democracia no Brasil (FGV, 2003). Ames afirma que, após o fim da ditadura, imaginava que a corrupção cairia mais no país. “É problemático que, embora seja mais arriscado roubar, as pessoas continuem a fazê-lo”.

Fonte: BBC Brasil

Prefeito de Ingazeira vai assumir presidência da Amupe

amupe_1O prefeito de Ingazeira, menor município de Pernambuco, Luciano Torres (PSB), vai assumir a partir de junho a presidência da Associação Municipalista de Pernambuco (Amupe). Torres vai assumir o cargo na organização no lugar de José Patriota (PSB), que deixa o posto para concorrer à reeleição em Afogados da Ingazeira.

A posse de Luciano Torres está agendada para as 9h do dia 1° de junho. O estatuto da Amupe proíbe a participação de prefeitos que sejam candidatos. A Amupe foi fundada em 1967, por um grupo de prefeitos que percebeu que juntos poderiam ser mais fortes para reivindicar e buscar orientações administrativas.

Da redação do Blog Alvinho Patriota

Salgueiro: Criminosos furtam explosivos da empresa Mendes Júnior

Policiais militares estavam fazendo rondas nesta sexta-feira (27) quando foram acionados pela Central de Operações para se deslocarem até o canteiro da empresa Mendes Júnior, em Salgueiro, para averiguarem uma ocorrência de furto. Chegando ao local, constataram que explosivos haviam sido furtados da empresa.

De acordo com o 8° BPM, os criminosos arrombaram os depósitos e furtaram os explosivos. A empresa não soube informar quantos explosivos foram furtados. Os policiais realizaram várias incursões nas imediações do canteiro, mas não conseguiram localizar suspeitos. O crime está sendo investigado pela Delegacia de Polícia Civil local.

Da redação do Blog Alvinho Patriota