Plantão Covif-19: Lista dos serviços essenciais conforme Decreto Presidencial

Serra Talhada notifica 105 casos em um fim de semana e passa de mil confirmações da Covid-19

Testando em massa sua população, Serra Talhada passou de mil casos confirmados da Covid-19 nessa segunda-feira, 13, com a notificação de mais 105 confirmações entre sábado e ontem.

O município registra 15 óbitos em decorrência da doença provocada pelo novo coronavírus. A morte mais recente aconteceu no sábado, 11. O paciente era um idoso de 68 anos que residia no bairro São Cristóvão.

A prefeitura informou que o número de casos suspeitos caiu para 42 e o de descartados subiu para 3.438. “Quanto à evolução dos casos confirmados, o município tem 649 pacientes recuperados, 386 em tratamento domiciliar, 04 em leitos de internamento e 15 óbitos”, detalhou.

Da redação do Blog Alvinho Patriota

Polícia apreende maconha e arma de fogo no Sítio Pocinhos, zona rural de Salgueiro

Durante ações de prevenção ao CVLI e CVP na tarde dessa segunda-feira, 13, policiais militares do 8ᵒ BPM apreenderam maconha e uma espingarda no Sítio Pocinhos, na zona rural de Salgueiro. Dois homens acabaram detidos, um por tráfico e o outro por posse ilegal de arma de fogo.

Inicialmente a PM foi verificar a existência de uma boca de fumo na localidade. O efetivo abordou um homem de 31 anos, que alegou ser usuário de maconha, mas eventualmente vende o entorpecente para usuários da região.

Com ele os PMs encontraram 10 papelotes do entorpecente, totalizando aproximadamente 65 gramas, R$ 58,00 em espécie e quatro mudas da erva. Todo o material foi encaminhado à delegacia, onde o indivíduo assinou TCO.

Ainda na comunidade, os policiais foram à residência de um homem de 60 anos que tinha uma espingarda em casa. Os militares apreenderam a arma calibre 28, 11 cartuchos, 378 gramas de chumbo, além de pólvora e espoletas. O proprietário do material foi autuado em flagrante.

Da redação do Blog Alvinho Patriota

Polícia Civil investiga acusado de aplicar golpes em várias pessoas em Salgueiro

Ao menos seis pessoas procuraram a Delegacia de Polícia Civil de Salgueiro nessa segunda-feira, 13, para denunciar um homem acusado de aplicar diversos golpes na cidade nas últimas semanas. Os crimes imputados a Vinicius Emanuel Carvalho da Rocha são de estelionato.

Segundo uma das vítimas, Sheila Ribeiro, o denunciado comprou aparelhos celulares, cosméticos e até uma moto, mas não fez os pagamentos. “Ele efetuou várias compras e forjou depósitos bancários e transferências bancárias”, afirma.

Em Sheila o golpe foi monetário. “Ele dizia ter uma loja de créditos e iria nos emprestar um valor para começarmos nosso negócio. Então ele disse que teria que pagar uma parcela para que fosse liberado o crédito e ele faria no nome dele mesmo. Ele fazia depósitos com envelopes vazios e enviava o comprovante”, relata.

Denunciado por várias vítimas, Vinicius solicitou que sua advogada fosse à delegacia na noite de ontem para apresentar defesa. A Polícia Civil segue com o inquérito.

Da redação do Blog Alvinho Patriota

Homem de 35 anos é vítima de tentativa de homicídio no bairro Santa Margarida

Aconteceu uma tentativa de homicídio na noite dessa segunda-feira, 13, por volta das 20h, no bairro Santa Margarida, em Salgueiro. Um homem de 35 anos foi baleado por um indivíduo que trafegava de moto.

Policiais militares foram chamados e encontraram a vítima no chão, banhada de sangue. Testemunhas disseram que o autor dos disparos fugiu tomando rumo desconhecido. Não foi possível anotar suas características físicas, nem do veículo.

Os PMs socorreram o homem baleado para o Hospital Regional de Salgueiro. Ele deu entrada consciente e não corre risco de morte. Durante a ocorrência os policiais descobriram que existia um mandado de prisão em aberto contra a vítima.

Da redação do Blog Alvinho Patriota

Polícia Militar prende comerciante acusado de feminicídio em Salgueiro

Um comerciante de 59 anos, acusado de feminicídio, foi preso por policiais militares da equipe Malhas da Lei nessa segunda-feira, 13, na Rua Poeta Levino Neto, bairro Nossa Senhora Aparecida, em Salgueiro.

Contra ele havia um mandado de prisão preventiva expedido pela Vara Criminal da Comarca de Salgueiro. A Polícia Civil solicitou o mandado no inquérito que apura o assassinato de Maria José Pereira, ocorrido no dia 29 de junho no sítio Bananeira, na zona rural do município.

Após ser preso, o acusado foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil da cidade e encaminhado ao Presídio Regional.

Da redação do Blog Alvinho Patriota

Salgueiro joga contra o Náutico no Estádio Salgueirão no retorno do Campeonato Pernambucano

Salgueiro enfrenta o Náutico no próximo domingo, 19, no Estádio Cornélio de Barros (Salgueirão), em jogo válido pela última rodada do Campeonato Pernambucano. A partida é uma das que marcam o retorno do Campeonato Pernambucano após a quarentena de prevenção ao coronavírus.

Na 2ª colocação da tabela com 16 pontos, já classificado para as semifinais, o Carcará do Sertão entra em campo tranquilo, sem a pressão de precisar de uma vitória a todo custo para seguir no estadual. A torcida não pode ter acesso ao estádio devido à pandemia.

Os outros jogos da rodada são: Sport x Santa Cruz (Ilha do Retiro); Afogados x Vitória (Estádio Vianão); Decisão x Central (Estádio Vera Cruz) e Retrô x Petrolina (Arena Pernambuco).

Da redação do Blog Alvinho Patriota

Empresa do ramo de construções doa mobiliário de escritório à Prefeitura de Salgueiro

Na semana passada a Prefeitura de Salgueiro recebeu uma doação de mobiliário de escritório feita pela empresa Sepco1 Construções do Brasil. Em ato simbólico no gabinete do prefeito Clebel Cordeiro, participaram o gerente de suprimentos da empresa, Chengguo Song, o advogado, Ary Vilas, e o supervisor de suprimentos, João Silva.

A prefeitura recebeu armários de aço, prateleiras, bebedouros, poltronas fixas e giratórias, maca, mesas de escritório e de reunião. Ao todo, 205 móveis foram incorporados aos bens móveis do município. O prefeito informou que distribuirá os móveis entre os departamentos e secretarias da administração municipal.

Da redação do Blog Alvinho Patriota

Oito novos casos da Covid-19 são confirmados no município de Salgueiro

A Secretaria de Saúde de Salgueiro confirmou oito novos casos da Covid-19 no boletim divulgado na noite de ontem, 13. Além disso, como já informamos, houve a 11ª morte em decorrência da infecção no município.

Os pacientes que testaram positivo nessa segunda-feira são cinco homens e três mulheres. As confirmações ocorreram através de testes rápidos, pelo método Swab e sorologia. Dois estão internados e seis em isolamento domiciliar.

O boletim atual apresenta os seguintes dados: 216 casos confirmados, 110 recuperados, 11 óbitos, 1.142 descartados e 26 em investigação.

Da redação do Blog Alvinho Patriota

Com mais 431 casos da Covid-19 e 57 óbitos, Pernambuco tem 72.901 infectados e 5.652 mortes

Pernambuco confirmou, nesta segunda-feira (13), 431 casos da Covid-19 e 57 óbitos por causa dessa doença provocada pelo novo coronavírus. Com isso, o estado passou a contabilizar 72.901 confirmações e 5.652 mortes, números que começaram a ser registrados desde março, no início da pandemia.

De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde (SES), dos casos confirmados nesta segunda-feira (13), 315 são quadros leves, de pacientes que não precisaram se internar em hospitais, que estavam na fase final da doença ou já curados. Os outros 116 se enquadram como Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag).

No acumulado desde março até essa data, Pernambuco totalizou 21.203 casos graves e 51.698 casos leves da doença. Com relação aos 57 óbitos, 39 pessoas morreram entre o dia 7 de abril e quinta-feira (9). As outras 18 mortes ocorreram nos últimos três dias.

Além disso, o boletim desta segunda registrou 51.095 pessoas recuperadas da doença. Desse total, 10.661 são de casos graves, que demandaram leitos no sistema de saúde, e 40.434, de casos leves.

Fonte: G1PE

Governo exonera responsável por monitorar Amazônia no Inpe

Em meio às maiores taxas de alerta de desmatamento da Amazônia dos últimos cinco anos, foi exonerada ontem a pesquisadora responsável pelo trabalho de monitoramento da devastação florestal no Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe).

Lubia Vinhas ocupava o cargo de coordenadora-geral de Observação da Terra do Inpe, departamento responsável pelos sistemas Deter e Prodes, que acompanham o desmatamento da Amazônia. A exoneração foi publicada no Diário Oficial desta segunda, assinada pelo ministro Marcos Pontes, da Ciência e Tecnologia, pasta à qual é vinculada o Inpe. O motivo ainda não foi esclarecido. A reportagem procurou o ministério, mas ainda não recebeu uma resposta.

Na sexta-feira (10), o órgão atualizou em seu site os dados referentes ao desmatamento da Amazônia em junho, apontando que o ritmo de alta se manteve, mesmo com uma ação de militares na região desde maio e com a pressão que vem sendo feita por investidores estrangeiros para que o governo controle o problema.

Alertas feitos pelo sistema Deter, do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), indicam a perda de 1.034,4 km² no mês de junho, alta de 10,65% em relação a junho do ano passado, quando os alertas apontaram desmate de 934,81 km². Em apenas um mês, foram derrubados na Amazônia o equivalente à área da cidade de Belém (Pará).

É o mês de junho com maior devastação dos últimos cinco anos. Já são 14 meses consecutivos de alta no corte da floresta em relação aos mesmos meses do ano anterior. Em oito desses meses, as taxas bateram os recordes do registro desde 2015.

Fonte: Estadão

Defesa diz que acionará PGR após Gilmar Mendes dizer que Exército se associou a ‘genocídio’

O Ministério da Defesa informou nesta segunda-feira (13) que encaminhará uma representação à Procuradoria-Geral da República (PGR) contra o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes.

A medida foi anunciada por meio de nota e foi motivada pela declaração feita no último sábado (11) pelo ministro do Supremo segundo qual o Exército se associou a um “genocídio” durante a pandemia do novo coronavírus.

O ministro Gilmar Mendes informou que não vai se manifestar sobre a nota da Defesa.

A nota foi assinada pelo ministro Fernando Azevedo e Silva, que é general da reserva do Exército, e pelos comandantes das Forças Armadas: general Edson Leal Pujol (Exército), almirante Ilques Barbosa Junior (Marinha) e brigadeiro Antonio Carlos Bermudez (Aeronáutica).

O vice-presidente Hamilton Mourão também criticou a declaração do ministro Gilmar Mendes. Em uma entrevista por videoconferência transmitida ao vivo nesta segunda-feira, ele foi questionado sobre o tema e afirmou que o magistrado “ultrapassou o limite da crítica” e criou um “incidente” com o Ministério da Defesa.

“Acho que a crítica, a crítica vai ocorrer, tem que ocorrer, ela é válida, mas o ministro ultrapassou o limite de crítica nisso aí”, disse.

Fonte: G1

Professora que estava internada na UTI do Pronto Socorro é a 11ª vítima da Covid-19 em Salgueiro

A Covid-19 fez mais uma vítima em Salgueiro. Morreu nesta segunda-feira, 13, na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) do Pronto Socorro São Francisco, onde estava internada em tratamento da doença, a professora Francisca Vasconcelos. Essa é a 11ª morte provocada pelo coronavírus no município.

Segundo informações da Secretaria Municipal de Saúde, Francisca testou positivo para a Covid-19 no dia 13 de maio. Ela fazia parte do grupo de risco por ser idosa e ter histórico de comorbidades.

Professora do magistério, didática de Matemática, Francisca lecionou em escolas públicas e privadas de Salgueiro, a exemplo da Escola Estadual Aura Sampaio e a Escola Professor Paulo Freire.

Da redação do Blog Alvinho Patriota

Curva da Covid-19 sugere imunidade maior e 2ª onda menos provável

Em praticamente todas as regiões do mundo mais duramente afetadas pelo coronavírus e que retomaram as atividades há queda sustentada no número de mortes e infecções.

A tendência é a mesma na Europa e nos estados brasileiros e norte-americanos mais contaminados. Nos que vinham sendo poupados, os casos estão subindo, elevando a média geral tanto no Brasil quanto nos Estados Unidos.

Na Europa, onde a epidemia chegou antes, ela está em declínio, apesar de muitos países terem voltado a funcionar quase normalmente.

Nos EUA, cidades mais afetadas e que tiveram ondas de protestos de rua contra o racismo após a morte de George Floyd, em 25 de maio, também não tiveram novos surtos. Já estados como Califórnia e Texas, alheios à irrupção inicial, são os novos focos.

No Brasil, cidades como São Paulo, Manaus, Rio e Recife, já fortemente afetadas, estão reabrindo até agora sem repiques. Mas a epidemia se alastra no interior, assim como nas regiões Sul e Centro Oeste, até então poupadas.

Epidemiologistas e novos estudos sugerem que a chamada imunidade coletiva necessária para conter a expansão da Covid-19 pode ter sido superestimada ou estar sendo calculada de forma imprecisa.

Isso explicaria a não ocorrência de uma segunda onda de infecções até agora. Mesmo que, nos locais inicialmente mais afetados e reabertos, menos de 20% da população tenha desenvolvido anticorpos para o novo coronavírus. Há alguns meses, estimava-se que até 70% das pessoas deveriam contrair o vírus antes que ele não encontrasse hospedeiros para se propagar.

O motivo pode ter relação com ao menos dois fatores:

1) Muito mais pessoas pegaram o vírus e desenvolveram anticorpos que diminuem com o tempo, resultando depois em testes negativos; ou elas se curaram mesmo sem a criação de anticorpos;

2) O principal vetor de transmissão do vírus seriam os adultos jovens, que circulam mais pelas cidades, sobretudo em transportes coletivos.

Tome-se o caso de Manaus, considerada por epidemiologistas como um campo de provas para a livre evolução da epidemia devido ao baixíssimo isolamento social que resultou no colapso dos sistemas de saúde e funerário.

Segundo a Epicovid19, maior mapeamento do coronavírus do país conduzindo pela Universidade Federal de Pelotas, o máximo de prevalência de anticorpos na população da capital do Amazonas foi encontrado entre os dias 4 e 7 de junho: 14,6%. Na rodada seguinte de testes, entre 21 e 24 de junho, a pesquisa encontrou só 8% dos manauaras com anticorpos.

Junho foi o mês em que os sepultamentos e cremações em Manaus se reaproximaram das taxas pré epidemia; e julho vem sendo marcado pela desmobilização de parte do aparato para a Covid-19.

Na cidade de São Paulo, com mais isolamento e menos mortes que Manaus, proporcionalmente, o máximo de prevalência de anticorpos encontrada na população foi de 3,3%, entre 14 e 21 de maio.

Mesmo assim, e apesar da reabertura gradual, a capital registra queda sustentada de novos casos, a ponto de oferecer leitos a cidades onde a epidemia agora avança.

Segundo imunologistas, é provável que o Sars-CoV-2 possa estar sendo combatido em duas frentes: pelos linfócitos (células) B, que produzem anticorpos, na resposta imune denominada humoral; e pelos linfócitos T, que não fazem isso, mas que também combatem o vírus eliminando células infectadas –nesse caso, por resposta citotóxica.

Como a ação dos linfócitos T não produz anticorpos, muitas pessoas teriam defesa contra o vírus sem que a maioria dos testes hoje aplicados (não celulares) detecte isso.

Outro ponto é que os anticorpos produzidos pela ação dos linfócitos B podem diminuir com o tempo, mas sem que se perca a imunidade. Isso explicaria a redução da prevalência, com o tempo, de anticorpos detectados na população nos testes em Manaus e em outras cidades monitoradas pela Epicovid19 –e sem que haja novos surtos.

Para Julio Croda, infectologista da Fiocruz, a imunização contra o coronavírus pode estar se dando de forma “cruzada”: pela suscetibilidade individual (com linfócitos B e T) e por outros fatores genéticos combinados às políticas de distanciamento social e o uso de máscaras.

“Sem o distanciamento e a máscara, o percentual de infectados e mortos na população teria de ser muito maior para chegarmos à imunidade comunitária”, afirma.

Por discordar do presidente Jair Bolsonaro na questão do isolamento social, Croda deixou a direção do Departamento de Imunizações e Doenças Transmissíveis do Ministério da Saúde no final de março.

Para Natalia Pasternak, doutora em microbiologia pela USP e presidente do Instituto Questão de Ciência, o ataque ao vírus pelos dois tipos de linfócitos (B e T) e o fato de os anticorpos poderem cair abaixo do detectável, sem prejudicar a imunização, tornam difícil aferir o tamanho da população ainda suscetível ao vírus.

“Ela talvez já não seja tão grande, mas não sabemos. O que não podemos é tratar isso de forma que dê a impressão de um liberou geral [onde o vírus já fez muito estrago].”

Pasternak afirma que a imunidade total só pode ser obtida com um número muito elevado de mortes ou com uma vacina –as principais em elaboração hoje tentam emular os dois caminhos (humoral e citotóxico) para a destruição do novo coronavírus.

Para Daniel Soranz, pesquisador da Escola Nacional de Saúde Pública da Fiocruz, o número elevado de mortes em algumas cidades do Brasil ajudaria a explicar a inexistência de uma segunda onda de infecções, apesar da reabertura desses locais.

“Isso ocorre às custas de muitas mortes. Pois se fossemos desenhar um cenário ruim, não poderíamos criar nada pior do que o que vimos em algumas cidades do Brasil, sobretudo nas comunidades mais pobres, como as daqui do Rio”, afirma Soranz.

Agora, sem nenhuma fila e com cerca de mil pacientes em leitos de UTI no Sistema Único de Saúde, em menos de 20 dias a capital fluminense poderá zerar as internações –a um ritmo de 50 saídas ao dia, por alta hospitalar ou morte.

Fonte: Folhapress

Líder comunitário pede mais uma vez que asfaltamento da PE-460 contemple o distrito de Riacho Pequeno

Falta pouco para o término da tão sonhada obra de pavimentação da PE-460, principal via de acesso ao distrito de Conceição das Crioulas, zona rural de Salgueiro. O asfaltamento liga a BR-116 à comunidade remanescente de quilombolas, mas moradores de Riacho Pequeno, em Belém do São Francisco, também querem ser contemplados.

Nesta segunda-feira, 13, Joselito Nogueira, líder comunitário de Riacho Pequeno, pediu que o Governo do Estado estenda a pavimentação por mais 41 km, para chegar a Belém, passando pelo mencionado distrito belenense.

“Fazemos um veemente apelo ao senhor governador que autorize a conclusão integral dessa rodovia tão importante para o desenvolvimento dessa região, pois não está previsto para sua total conclusão. Vale ressaltar que todo projeto dessa estrada está pronto e licitado, no entanto o asfalto só vai chegar ao distrito de Conceição”, escreveu Joselito nas redes sociais.

Da redação do Blog Alvinho Patriota

Usina de asfalto de Araripina entra em funcionamento após testes

Já está em funcionamento a usina de asfalto de Araripina, adquirida pela prefeitura para melhorar a infraestrutura do município. Testes com os equipamentos foram finalizados no último fim de semana.

A usina foi testada em uma rua de paralelepípedo dentro da Autarquia Educacional do Araripe (AEDA), sob a supervisão do prefeito Raimundo Pimentel e da equipe da Secretaria de Obras e Infraestrutura, responsável pela máquina.

Pimentel considerou os testes satisfatórios, tanto no aspecto da fabricação do asfalto quanto na aplicação do material no solo. Ele anunciou que deve começar em breve a primeira fase do programa de pavimentação em asfalto com recursos próprios do governo municipal.

Da redação do Blog Alvinho Patriota