Prefeitura de Serra Talhada vai pagar Auxílio Emergencial a cantores e grupos musicais

Assim como o governo municipal de Afogados da Ingazeira, a Prefeitura de Serra Talhada também iniciou um processo para concessão de Auxílio Emergencial aos artistas do município. A classe é uma das mais afetadas pela pandemia, por conta da proibição de shows e outras atividades culturais desde março de 2020, quando a emergência de saúde pública começou.

De acordo com o site Farol de Notícias, a prefeita Márcia Conrado encaminhou o Projeto de Lei nᵒ 015/2021 à Câmara de Vereadores, instituindo o Auxílio Municipal Emergencial (AME) para cantores e grupos musicais serra-talhadenses. Os requisitantes precisam ter residência comprovada no município há pelo menos 2 anos e fazer parte do Cadastro Municipal de Cultura há, no mínimo, seis meses.

Aqueles que tiverem a inscrição validada receberão uma parcela única no valor de R$ 500. Podem participar grupos com até 4 membros, considerando o limite de R$ 2 mil por grupo musical.  Quem integra mais de um grupo receberá o auxílio uma vez, como os outros beneficiários. Como contrapartida, os cantores e grupos participarão de uma live organizada pela Fundação de Cultura de Serra Talhada em comemoração aos 170 anos do município.

Da redação do Blog Alvinho Patriota