Náutico é campeão pernambucano pela 23ª vez

O Náutico quebra um tabu de 53 anos em finais contra o Sport, volta a vencer o Pernambucano e levanta a 23ª taça do Estadual. O Alvirrubro venceu o Leão nos pênaltis neste domingo, nos Aflitos, após um empate por 1 a 1 no tempo normal – além do mesmo resultado no primeiro confronto.

O duelo entre Leão e Timbu, inclusive, marcou a 19ª vez em que o Clássico dos Clássicos acontece em uma final do Estadual.

O Sport tem o maior número de títulos estaduais, sendo os períodos de maior hegemonia nos anos 1990 e 2000, quando levantou cinco taças seguidas. Logo na sequência do ranking aparece o Santa Cruz, que tem 29 títulos.

Eliminado nas quartas de final nesta edição, o Tricolor fez a melhor marca do clube nos anos 1970, quando levou sete troféus – mas não de forma consecutiva. A maior sequência de títulos do Pernambucano pertence ao Náutico, com o famoso hexacampeonato – de 1963 a 1968.

 Além do Trio de Ferro, também levantaram títulos do Pernambucano outros cinco clubes: América-PE, Torre, Tramways, Flamengo-PE e Salgueiro. O Carcará detinha a última taça do Estadual, em 2020, e tornou-se o primeiro time do interior a vencer o campeonato. Antes disso, bateu na trave duas vezes – em 2015 e 2017 – quando ficou com o vice.

Fonte: Globo Esporte