Vida FM Asa Branca Salgueiro FM Salgueiro FM

Diocese de Petrolina afasta padre para apurar eventuais delitos

Mais um padre do Sertão pernambucano foi afastado de suas funções. A Diocese de Petrolina decretou nessa quinta-feira, 16, o afastamento do Pe. Carlos Antônio Barbosa de Araújo, no intuito instalar investigação prévia para apurar “as circunstâncias, indícios, de eventuais delitos do referido sacerdote”. Em nota, a diocese informa que o próprio padre pediu para ser afastado do exercício do Ministério Sagrado. Isso aconteceu após vazarem em grupos do WhatsApp fotos e supostas conversas do religioso, dizendo que vivia um romance com um homem e estava feliz.

Através de advogados, o padre divulgou uma nota, afirmando que foram providenciados quatro procedimentos criminais que visam punir, de forma exemplar, eventuais crimes comprovados contra ele. O padre fala que está sendo vítima de um ex-funcionário, que causou dano patrimonial em sua empresa, a Benedictus Arte Sacra. Ele diz que tentou chegar a um acordo amigável com esse ex-empregado para retornar a saúde financeira da empresa, mas não conseguiu.

“Tal situação se agravou nos últimos dias, em que o estimado padre passou a receber ameaças de perfis e contatos telefônicos fakes, por meio de sua rede social e Whatsapp – sendo tal situação asseverada nesta última terça-feira (15), em que foram remetidos para companheiros de clero, amigos e de forma difusa, criminosas e horrendas mensagens atentatórias e difamatórias, incluindo, fotografias, montadas através de Inteligência Artificial”, publicou a assessoria jurídica do sacerdote.

Com o afastamento, o padre fica privado do “Uso da Ordem” e sem jurisdição para presidir ou administrar qualquer sacramento ou sacramental. Também está proibido de exercer quaisquer cargos eclesiásticos e impedido do exercício público do ministério presbiteral.

Leia também: Diocese de Salgueiro suspende padre acusado de engravidar mulher em Araripina 

Da redação do Blog Alvinho Patriota