Ciro pede ‘passo atrás’ a Lula e faz comparação com Maduro e Evo Morales

Pré-candidato a presidente da República em 2022, Ciro Gomes (PDT) pediu que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) tenha a “generosidade” de não disputar as próximas eleições presidenciais e fez comparação com o “exemplo desastrado” do presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, e do ex-presidente da Bolívia, Evo Morales.

A declaração foi feita nesta segunda-feira 5, em abertura de conferência virtual sobre a reforma administrativa promovida pela Central dos Sindicatos Brasileiros.

Para Ciro Gomes, diante do que chamou de “fim de ciclo”, Lula deveria se inspirar no “passo para trás” dado por Cristina Kirchner em 2019, quando se candidatou a vice de Alberto Fernández, em vez de tentar a reeleição.

“A gente devia pedir generosidade a quem já teve oportunidade, como o Lula, que é um grande líder da história brasileira”, disse Ciro Gomes. “Mas a gente devia pedir a ele que se compenetrasse e que não imitasse o exemplo desastrado do Maduro na Venezuela ou o exemplo desastrado do Evo Morales na Bolívia. E que olhasse o que a Cristina Kirchner fez na Argentina, em que, tendo uma força grande, deu um passo para trás e ajudou a Argentina a se reconciliar.”

Fonte: Carta Capital

   

2 comentários sobre “Ciro pede ‘passo atrás’ a Lula e faz comparação com Maduro e Evo Morales

  1. :)

    Falou a verdade!

    Se for analisar, os Lulista são iguais aos Bolsominions! Cegos políticos, O que deixo de pergunta para os Ptsitas são: Se houve um golpe em 2016, Pq Lula no ano seguinte abraçou e se reconciliou com os Golpistas? Pq Lula colocou Temer como vice, sabendo que ele não era de confiança?