Vida FM Asa Branca Salgueiro FM Salgueiro FM

Banco Central vai selecionar 500 para compor quadro de servidores

O Banco Central lançou os editais para seleção de analistas e técnicos. As inscrições estarão abertas de 26 de novembro a 16 de dezembro. Os concurseiros tiveram que esperar mais de quatro anos até que o BC abrisse o processo de seleção de novos servidores.

Com sérios problemas de pessoal – cerca de 2 mil funcionários vão se aposentar até 2012 -, o órgão tem pressa em realizar a seleção e corre contra o relógio para poder nomear os aprovados até julho, quando a lei eleitoral passa a impedir o procedimento.

As 500 vagas, autorizadas em julho pelo Ministério do Planejamento, serão insuficientes para completar o quadro e o BC pretende chamar 50% mais aprovados, como permite a lei. São 350 vagas para analistas e 150 para técnicos.

Ao contrário do que ocorreu nos demais editais, as vagas não foram distribuídas por região, criando, assim, um banco único de aprovados.

A divisão para cada uma das regionais do banco só será conhecida no edital de convocação para o curso de formação, segunda etapa do concurso.

A remuneração é um dos grandes atrativos do concurso: os analistas receberão R$ 12.413,65 e os técnicos, R$ 4.896,25. A partir de 1º de julho, esses valores passam para R$ 12.960,77 e R$ 4.917,28, respectivamente, por conta da última parcela do reajuste programado aos servidores federais.

A carreira não exige formação específica para analistas, apenas que seja de nível superior e, para os técnicos, a formação exigida é o ensino fundamental completo.

A inscrição pode ser feita pelo site www.cesgranrio.org.br e custará R$ 50 e R$ 110, dependendo do cargo. As provas serão aplicadas no dia 31 de janeiro – no período matutino para técnicos e no verspertino para analistas – em Brasília, Rio de Janeiro, São Paulo, Recife, Porto Alegre, Belém, Belo Horizonte, Curitiba e Salvador. 

Os aprovados na primeira etapa, passarão por avaliação de títulos e sindicância de vida pregressa antes de serem matriculados no curso de formação, que terá duração mínima de 120 horas. O resultado das provas será conhecido em abril, no caso dos técnicos, e em maio, no caso dos analistas.

Fonte: Folha de PE