Vida FM Salgueiro FM

EREM Aura Sampaio arrecada 1.589 kg de alimentos para entidades filantrópicas de Salgueiro

Quatro entidades filantrópicas de Salgueiro, ligadas à Igreja Católica, receberam 1.589 kg de alimentos não perecíveis arrecadados na última sexta-feira, 16, por alunos da Escola de Referência em Ensino Médio (EREM) Aura Sampaio. A entrega foi feita na tarde desta quinta-feira, 22, no pátio da escola, aos representantes do Ninho do Senhor, Área Pastoral São Francisco de Assis, Seminário João XXIII e Casa de Acolhimento São Francisco de Assis.

De acordo com a diretora da escola, Ana Célia, a ação foi a etapa final da Gincana Recreativa Estudantil, promovida na semana passada envolvendo todas as turmas. “Além da comemoração do Dia dos Estudante, com danças, música e interpretação, eles foram às ruas colher esses alimentos pela cidade para distribuir às instituições que estão aqui hoje para receber”, explicou.

A Coordenadora Pedagógica da escola, Liriana Callou, destacou que cada turma foi estimulada a arrecadar a maior quantidade possível de alimentos, sendo premiadas as três que conseguissem mais. A turma do 1ᵒ A venceu com 394 kg, o 2ᵒ A ficou na segunda colocação com 262 kg e o 2ᵒ B em terceiro com a coleta de 237 kg.

Liriana afirmou que a ação será repetida no final do ano. “No final do ano nós já temos a proposta de fazer outra gincana como essa para arrecadar novamente alimentos e continuarmos na luta, ensinando nossos alunos o princípio da solidariedade, princípio da empatia, do respeito ao outro e do cuidado com o próximo.”

Da redação do Blog Alvinho Patriota

Um comentário sobre “EREM Aura Sampaio arrecada 1.589 kg de alimentos para entidades filantrópicas de Salgueiro

  1. Machado Freire

    Tai um gesto de consciêcia e de solidariedade digno de apoio e reconhecimento de toda comunidade.

    A gente sabe que esses alimentos não vão durar muito, mas no momento eles valem muito como um reforço nas refeições servidas por essas entidades.

    Dias desses fui mal interpretado – e até criticado, porque sugeri uma ação semelhante a esta durante uma festa para uma promoção pessoal de um artista que contou com o apoio de alguns políticos do município.

    Ora, se os meninos da escola consegiram 1.500 quilos, naquela festa eles teriam chegado a dez mil quilos.

    Tem nada não. Outras festas virão e eu irei fazer a mesma sugestão, pois é preciso endenter que a dor que dói nos outros tamb´´em mpode doer na gente.

    Solidariedade, sempre !!!