Reunião define pagamento de 70% dos precatórios do Fundef aos professores inativos de Salgueiro

Protestando desde a semana passada, professores aposentados da Secretaria de Educação de Salgueiro finalmente poderão receber precatórios do Fundef. Segundo o presidente da Câmara de Vereadores, George Arraes, uma reunião realizada na manhã desta terça-feira, 28, estabeleceu que educadores inativos recebam 70% do valor restante da indenização, enquanto tramita um processo movido por professores contratados, que também querem receber o dinheiro.

A Justiça determinou o bloqueio da verba dos precatórios até o julgamento do processo impetrado pelos contratados. A solução encontrada pelos representantes da prefeitura, câmara e do Sindicato dos Servidores Municipais foi reservar 30% da verba para um eventual pagamento dos contratos e repassar os 70% imediatamente aos inativos.

George disse que os vereadores vão sentar com a Comissão dos Precatórios do Fundef nessa quarta-feira, 29, para ver a lista dos beneficiários e o valor que cada professor inativo vai receber. Depois da sessão ordinária as informações serão repassadas a todos que quiserem ter acesso através do telefone da câmara.

Da redação do Blog Alvinho Patriota

Um comentário sobre “Reunião define pagamento de 70% dos precatórios do Fundef aos professores inativos de Salgueiro

  1. Carlos Alberto Gomes dos Santos

    O Presidente da Câmara como interlocutor está igual a Bruno Marreca ,não acerta uma, foi se meter na liberação do FUNDEF, só fez atrapalhar como Bruno fez na estrada de Conceição das Crioulas, só foi Bruno cair fora, a Estrada já está mais Próxima de ser concluída,seria bom George ficar fora que ai o dinheiro dos aposentados do FUNDEF sai,da esma forma o presidente da Câmara colocou duas pessoas para trabalhar na Câmara que eram parentes de uma Ex Vereadora e outro de um Ex Vereador,mais como esse ex Vereadores não quiseram apoiar ele na eleição desse ano,ele simplesmente colocou pra fora da Câmara os dois.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *