Polícia Civil divulga nota oficial sobre morte de indígena em aldeia de Carnaubeira da Penha

Repercutiu em todo o Brasil a morte de um indígena ancião na aldeia Olho D´água do Padre, em Carnaubeira da Penha, essa semana, atribuída a uma abordagem de três policiais militares. Após a grande repercussão da morte de Edvaldo Manoel de Souza, 61 anos, a Polícia Civil se pronunciou oficialmente sobre o caso, através de uma nota enviada aos meios de comunicação. A instituição afirma que instaurou inquérito e já iniciou as diligências, acompanhadas pelo Ministério Público. Providências na esfera administrativa também estão sendo tomadas pela SDS-PE.

Confira a nota na íntegra a seguir:

“A Polícia Civil de Pernambuco, por meio da Delegacia de Carnaubeira da Penha, registrou morte a esclarecer ocorrida na tarde do último dia 15, na Aldeia Olho D’Água do Padre, na zona rural de Carnaubeira da Penha.

Foi instaurado um inquérito policial para apurar o fato, tendo sido já realizadas diligências, incluindo oitivas de familiares da vítima, vizinhos e lideranças indígenas. Importante ressaltar que o Ministério Público de Pernambuco está acompanhando as investigações, também auxiliadas por perícias criminais, realizadas pela Polícia Científica.

Por sua vez, a Polícia Militar, através da Diretoria de Polícia Judiciária Militar (DPJM), instaurou um inquérito Policial Militar para apurar as circunstâncias em que se deu o fato.Na esfera administrativa, a Corregedoria Geral da SDS instaurou Investigação Preliminar e está apurando, no local, se houve infração disciplinar por parte de policiais militares envolvidos nessa ocorrência. A Ouvidoria da SDS está com uma equipe presente no município e está à disposição da população para receber denúncias e informações pelo telefone 0800.081.5001 (ligação gratuita).

Os trabalhos conduzidos no âmbito criminal e também disciplinar prosseguirão dentro da legalidade, com seriedade e imparcialidade, de modo a elucidar as circunstâncias do fato no menor tempo possível. Outras informações serão concedidas com a conclusão das investigações, para que não haja prejuízo às diligências em curso”.

Da redação do Blog Alvinho Patriota

6 comentários sobre “Polícia Civil divulga nota oficial sobre morte de indígena em aldeia de Carnaubeira da Penha

  1. S. Carvalho

    Realmente, o presidente é contra pequenos roubos, ele é a favor dos grandes né! como estourar o cartão corporativo, fazer motocada sem capacete com o dinheiro público, os filhos envolvidos nos piores crimes deste país. Um compra uma mansão com dinheiro q advogava e nunca advogou! o IBAMA nesse governo é contra o meio ambiente, a fundação Palmares contra negros, é tudo o contrário. Queria entender quem defende um governo desse. Que declarou! que ia acabar com o ativismo, que não ia ter um palmo de terra para indígenas. A favor dos garimpeiros, e ainda falar q ele defende a justiça! Queria q citasse uma coisa boa desse governo. Uma apenas!

  2. G. A. C.

    Argumentos VAZIOS, POLITIQUEIROS, SEM VERDADES não Edificam o nosso BRASIL.

    De um lado temos um PRESIDENTE que defende a Justiça, é contra o Aborto, é contra pequenos ROUBOS , e DEFENDE o BRASIL dos CORRUPTOS .

    Do outro Lado temos um POLÍTICO que RESPONDE por vários CRIMES, incentiva o ROUBO , é a FAVOR da MENTIRA.

    E aí quando ACONTECE essas BARBÁRIE ( Que OS CULPADOS desse CRIME do SENHOR EDNALDO SEJAM CONSENADOS ) Querem colocar a CULPA no que DEFENDE A VERDADE e a JUSTIÇA.

    Vá entender ??????

  3. S. Carvalho

    Lembrando que dia 15 de junho é O Dia Mundial da Conscientização da Violência Contra a Pessoa Idosa! E que acontece em nosso país? Um idoso é vítima de violência (física, psicológica, ) por quem deveria garantir sua integridade. E mais uma vez um indígena perde sua vida de forma criminosa. Tá muito difícil assegurar os direitos da pessoa idosa, dos indígenas e dos menos favorecidos no nosso país. Vivemos em meio a insegurança e medo. Polícia sem preparo, com aval pra cometer esse tipo de abordagem. Um governo que não tem o menor compromisso com o povo, que vive gastando o dinheiro público em cima de uma moto, e o país vivendo um verdadeiro caos. Manifesto aqui minha total indignação em memória de seu “Edinaldo do Olho D’água e de todo povo Atikum” Justiça!