Ministério da Saúde pede que Anvisa libere uso de autoteste de covid

O Ministério da Saúde informou ter encaminhado hoje à Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) pedido de autorização do uso de autoteste de covid. Atualmente, este tipo de teste para a doença não é permitido no país.

“O objetivo [dos autotestes] é ampliar o acesso ao diagnóstico. Existem laboratórios, hospitais, há uma carência em nível mundial”, disse o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, a jornalistas na noite dessa quinta-feira.

A iniciativa da pasta da Saúde ocorre diante do aumento de casos da doença em meio ao surto da variante ômicron do novo coronavírus e à escassez de testes em laboratórios para a detecção de casos.

Queiroga disse que as farmácias serão responsáveis por notificar os resultados dos autotestes.

“Os testes serão vendidos nas farmácias, cada uma [delas] tem seu responsável técnico e devem orientar seu cliente a realizar os testes, também as indústrias que fabricam devem deixar acessíveis tutoriais de como se realiza o teste e deve haver notificação de resultado nas plataformas das próprias indústrias, e as farmácias são responsáveis por essa notificação”, afirmou o ministro.

De acordo com a nota técnica do Ministério da Saúde, o público-alvo é “qualquer indivíduo, sintomático ou assintomático, independentemente de seu estado vacinal ou idade”, que tenha interesse em realizar o autoteste.

Fonte: UOL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *