Governo recebe parcela de R$ 8,8 bilhões do lucro da Petrobras nesta segunda

Apesar das críticas ao lucro da Petrobras já feitas pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, o governo federal está entre os maiores beneficiários dos resultados financeiros da petroleira. Nesta segunda-feira, 20, a União receberá mais uma parcela, de R$ 8,8 bilhões, do lucro da estatal. A cifra faz parte de um total, já anunciado este ano, de R$ 32 bilhões em dividendos que serão pagos até julho ao governo, maior acionista da companhia.

Entre 2019 e 2021, a União já tinha embolsado em dividendos outros R$ 34,4 bilhões, a valores atualizados, segundo levantamento de Einar Rivero, da TC/Economática. Quando se somam, ao lucro destinado à União, os impostos e os royalties, a Petrobras injetou nos cofres federais R$ 447 bilhões de 2019, início do governo Bolsonaro, a março deste ano, conforme dados dos relatórios fiscais da companhia, revelados pelo Estadão em maio.Considerando Estados e municípios, o montante chega a R$ 675 bilhões. Só o montante pago à União corresponde a aproximadamente cinco vezes o orçamento do Auxílio Brasil previsto para este ano, em torno de R$ 89 bilhões.

Desde o início do ano, para rebater as críticas de Bolsonaro e de líderes do Congresso Nacional, a Petrobras vem ressaltando que seus ganhos retornam para a sociedade. A empresa informou que, em 2021, recolheu R$ 203 bilhões em tributos próprios e retidos, maior valor anual já pago pela companhia, um aumento de 70% em relação a 2020. No primeiro trimestre de 2022, pagou mais R$ 70 bilhões aos cofres públicos entre lucro, tributos e participações governamentais, “praticamente o dobro do valor recolhido no mesmo período de 2021”.

Fonte: Estadão

Um comentário sobre “Governo recebe parcela de R$ 8,8 bilhões do lucro da Petrobras nesta segunda

  1. DAMIÃO

    O GOVERNO FEDERAL POR SER UM DOS MAIORES ACIONISTA DA ESTATAL PETROBRAS, O MESMO RECEBERÁ ATÉ O FINAL DO ANO DE 2022 O VALOR DE 32 BILHOES DE REAIS, POREM ELE RECEBERÁ AGORA NO PRÓXIMO MÊS DE JULHO UMA PARCELA DE 8,8 BILHOES DE REAIS DE LUCRO DA ESTATAL DA PETROBRAS FICANDO A DIFERENÇA PARA RECEBER ATÉ O FINAL DESTE ANO, JÁ ESTÁ TUDO EXPLICADO A RAZÃO DO NOSSO PRESIDENTE NÃO FREIAR OS EXORBITANTES E ABUSIVOS AUMENTOS NOS PREÇOS DOS DERIVADOS DO PETRÓLEO, QUE ESTÁ AUMENTANDO O INDICE DA POBREZA EM NOSSA NAÇÃO..
    É MUITO DINHEIRO, O NOSSO PRESIDENTE TEM QUE PENSAR NO POVO, COISA QUE ATÉ AGORA NÃO ESTÁ ACONTECENDO; POREM ESTE POVO CONSCIENTEMENTE É QUEM DEFINIRÁ O RUMO DAS ELEIÇÕES DO PRÓXIMO DIA 02/10/2022..