Procon pede explicações à Compesa sobre a falta d´água em Salgueiro

Motivado pelas muitas reclamações da população sobre falta d´água, o coordenador do Procon Salgueiro, Fábio Barros, esteve no escritório regional da Compesa nessa terça-feira, 12, pedindo explicações a respeita dessa problemática no município. Participaram da reunião o Gerente Geral Alexandro Chaves, o coordenador consultor, Elvis Araújo, e o representante jurídico da Compesa na região, Francisco Campos.

Fábio pediu informações sobre eventuais problemas no abastecimento da cidade, o que implica diretamente no descumprimento do calendário divulgado pela companhia. “O abastecimento de água nos bairros, em algumas situações, não tem cumprido suas próprias determinações, começando de forma posterior e findando antes do ajustado”, ressaltou o Procon.

O órgão de defesa do consumidor solicitou mais rapidez na comunicação de informações em eventuais problemas que possam acarretar na suspensão do fornecimento d´água dos salgueirenses. “A equipe Compesa nos atendeu de forma honrosa e muito diligente, prestando os esclarecimentos solicitados”, relatou a instituição.

Da redação do Blog Alvinho Patriota

4 comentários sobre “Procon pede explicações à Compesa sobre a falta d´água em Salgueiro

  1. Lívia

    E onde estão os esclarecimentos à população? Cadê a água em nossas casas? Estamos há 12 dias sem água no Riachinho. Pelo calendário fajuto, a água deveria ter chegado segunda (11/01), e até agora nada!!! Total descaso com a população. Os representantes do Procon foram bem atendidos pela COMPESA, mas e a população quando será? Serem bem atendidos e não resolver a falta de água que assola a população não adianta de nada! A conta não atrasa e nem deixa de chegar.

    Queremos SOLUÇÕES!

    QUEREMOS A ÁGUA PELA QUAL ESTAMOS PAGANDO!!

  2. DAMIÃO ALVES

    ONDE ESTÃO OS RESPONSÁVEIS PELA INSENSATEZ E IRRESPONSABILIDADE DOS QUE FAZEM A COMPESA, QUE NÃO SE MANIFESTAM E ATENDEM DIGNAMENTE OS ANSEIOS DA POPULAÇÃO SALGUEIRENSE, O PROBLEMA DA DISTRIBUIÇÃO É FORNECIMENTO DA ÁGUA SE TORNOU CORRIQUEIRO ESPECIALMENTE EM TODOS OS BAIRROS ESPECIALMENTE NOS PERIFÉRICOS E SEM EXCEÇÃO; HÁ MAIS DE DOZE (12) ANOS ATRÁS, QUANDO RETORNEI A MINHA CIDADE, DA QUAL EU NUNCA ME AFASTEI E SEMPRE DEPOSITEI O MEU VOTO, AO RETORNAR ACHEI EXCELENTE O FORNECIMENTO D’ÁGUA NESTA CIDADE, PORÉM DE UNS QUATRO ANOS PARA CÁ ,E COM A APOSENTADORIA E SAÍDA DO GRANDE E COMPETENTE JANUÁRIO CARVALHO, DESTE ÓRGÃO, AÍ FOI QUE AS COISAS PIORARAM E MUITO, A ESCASSEZ OU A FALTA DA ÁGUA, EM NOSSAS TORNEIRAS SE TORNARAM CORRIQUEIRAS, HÁ UM (01) ANO ATRÁS NÓS TÍNHAMOS ÁGUA COM MAIS FREQUÊNCIA, A COMPESA NOS INFORMA QUE TEREMOS TRÊS (03) DIAS COM ÁGUA E NOVE (09) DIAS SEM A MESMA, PORÉM QUANDO A M,ESMA CHEGA AS TORNEIRAS NÃO PASSA DE IRREGULARES DOIS (02) DIAS COM ÁGUA E UM POUCO MAIS DE NOVE (09) DIAS SEM A MESMA; A FALTA D’ÁGUA NAS RESIDENCIAS É UMA QUESTÃO DE SAÚDE PÚBLICA E ATÉ MESMA DE JUSTIÇA, O PROCON MUNICIPAL E OU ESTADUAL JUNTAMENTE COM OS REPRESENTANTES DO POVO (OS POLÍTICOS) TEM QUE SE MANIFESTAREM E PROCURAREM UMA SOLUÇÃO VIÁVEL PARA O NOSSO PROBLEMA.
    PRECISAMOS DAS MANIFESTAÇÕES DE QUEM ACHA QUE O PROBLEMA DA FALTA OU ESCASSEZ D’ÁGUA PRECISE SER RESOLVIDO; NÃO ESPEREM APENAS POR POUCOS.