Vida FM Salgueiro FM

Ponto de Vista: Lucros e desempregados

No Brasil, enquanto obras de grande necessidade estão paralisadas, tendo como resultado um alto índice de desempregados, a economia estagnada, as empresas fechando as suas portas, tudo sem perspectiva até porque não há confiança no governo como nas demais esferas administrativas e políticas, vemos por outro lado, cada vez mais recordes de lucros dos agentes financeiros.

É a predominância do capital sobre o trabalho, elevando consideravelmente a desigualdade, onde o rico cada vez fica mais rico e o pobre cada vez mais pobre, tudo isso acontecendo às vistas do Poder Público que pouco ou nada faz, para emplacar e dá sequência aos investimentos econômicos.

As maiores obras atualmente no país:

Transposição, planejada inicialmente para levar água a 12 milhões de pessoas, com investimento até agora da ordem de 10,7 bilhões de reais, ainda não foi concluído o eixo norte que sai de Cabrobó em Pernambuco com destino ao Ceará e Rio Grande do Norte. Enquanto isso, o eixo leste, de Floresta à divisa de Pernambuco com a Paraíba, apesar de concluído, já abastecendo até Campina Grande, faltam as obras

complementares e principais, como o abastecimento de água à população a partir das localidades mais próximas dos canais, onde as pessoas ficam assistindo a passagem da água sem ter acesso à mesma.

Transnordestina, projetada para interligar os Portos de Suape em Pernambuco e Pecém no Ceará, além de Elizeu Martins no Piauí, partindo de Salgueiro, se encontra completamente parada com os trens perdidos no meio da caatinga, se acabando dado a ação do tempo. Nessa obra já foram investidos 6 bilhões, precisando de mais 7 bilhões para a sua conclusão.

Chamamos a atenção dos leitores para o seguinte: muita gente critica e não poderia ser diferente, o fato de tanto dinheiro investido nessas e noutras inúmeras obras espalhadas pelo pais, mas poucos enxergam os lucros cada vez maiores dos agentes financeiros que suplantam em apenas um ano, por exemplo, as obras acima referidas, sem contar que essas proporcionam o incremento da economia, do emprego etc., enquanto que os lucros dos agentes financeiros se acumulam apenas em números, não incrementando a produção nem a imprescindível ocupação de pessoal no mercado de trabalho.

AGENTE LUCRO 2017 PESSOAL
Itaú 24,0 bilhões 90.320
Bradesco 14,6 bilhões 83,900
Caixa 12,5 bilhões 90.000
Banco do Brasil 11,1 bilhões 109.026
Santander 8,0 bilhões 202.251
TOTAL 70,2 bilhões 575.497

Escrito por Alvinho Patriota