Lula confirma viagem ao Recife para participar de festival neste domingo

Em liberdade desde a última sexta-feira, o ex-presidente Lula vai começar sua saga pelo Nordeste. Uma das primeiras paradas será a cidade do Recife, palco da nova edição do festival nacional Lula Livre. No próximo domingo, a partir das 12h, a Praça Nossa Senhora do Carmo, no bairro de Santo Antônio, vai receber várias atrações da música brasileira, como Marcelo Jeneci, Odair José, Siba, Isaar, Flaira Ferro e Mundo Livre S/A, além da presença da militância e de lideranças políticas que apoiam o petista. A informação foi confirmada pela assessoria do Partido dos Trabalhadores. 

O festival, que já estava programado desde antes de Lula deixar a prisão, se tornou um ato de comemoração pela liberdade do ex-presidente. Em nota, o diretório estadual do PT reafirma que irá ‘celebrar a sua libertação depois de 580 dias injustamente preso na superintendência da Polícia Federal, em Curitiba’. 

Nas redes sociais, o senador Humberto Costa disse que Pernambuco está à espera do ‘presidente’. Ainda não há confirmação oficial sobre a presença de aliados, mas fontes ventilam a possibilidade do ex-candidato à Presidência da República, Fernando Haddad, e a senadora Gleisi Hoffman, além de lideranças locais. 

Preso desde abril de 2018, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi liberto de sua cela na Polícia Federal de Curitiba, na última sexta-feira (8). A decisão ocorreu após o resultado do julgamento do STF (Supremo Tribunal Federal) que barrou a permanência na prisão de condenados em segunda instância, como é o caso do petista. A soltura foi determinada pelo juiz federal Danilo Pereira Junior e a decisão foi publicada às 16h15.

Fonte: Diario de Pernambuco

Um comentário sobre “Lula confirma viagem ao Recife para participar de festival neste domingo

  1. S.C

    Meu querido presidente de volta ao seu povo e ao seu estado. O melhor presidente, estadista e que melhorou a vida do povo sertanejo. Hoje sofrendo novamente com esse presidente entreguista e fascista q aí estar.