Deputada Flordelis é intimada a depor sobre morte de pastor Anderson

A Polícia Civil informou, na noite dessa sexta-feira (21/06/2019), que a deputada federal Flordelis (PSD-RJ) será intimada a depor sobre a morte do marido, o pastor Anderson do Carmo, 42 anos, assassinado no domingo (15/06/2019) na garagem de casa, em Niterói, no Rio de Janeiro. A oitiva da parlamentar será nessa segunda-feira (24/06/2019). A informação é do jornal O Globo.

Depois que os filhos dela foram ouvidos pela polícia, a participação da parlamentar no assassinato não é descartada, assim como o envolvimento de outras pessoas que estavam no local do crime.

A polícia confirmou, ainda, que houve quebra de sigilo telefônico de Anderson e de Flávio de Souza, que confessou ter disparado seis vezes contra o padrasto. Segundo a delegada Barbara Lomba, titular da Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí, a confissão dos filhos do pastor implica no fim da investigação. A motivação do crime ainda não foi definida, mas a possibilidade de latrocínio (roubo seguido de morte) foi descartada.

Imagens

A polícia analisa vídeos registrados por câmeras de segurança do lado de fora da casa, na noite do crime. As imagens, exibidas com exclusividade pela TV Globo, mostram o momento exato em que o filho Lucas dos Santos, de 18 anos, chega à residência. Ele foi preso na segunda-feira (17/06/2019).

O rapaz entra na casa carregando uma mochila, às 3h. Depois de 15 minutos, ele volta correndo. A polícia considera que Anderson foi morto às 3h25. Em seguida, quem sai do local é Flávio de Souza, que também está preso.

Fonte: Metrópoles