Comissão de Meio Ambiente da Alepe aprova proposta que proíbe uso de canudos de plástico em Pernambuco

Avançou na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) uma proposta que barra a comercialização e uso de canudos plásticos em todo o Estado. Nessa quarta-feira, 12, a Comissão de Meio Ambiente da casa aprovou uma proposta que visa reduzir os impactos ambientais provocados pelo acúmulo desse material, que leva mais de 450 anos para se decompor.

O projeto, que ainda será levado ao plenário, obriga restaurantes, hotéis, bares e lanchonetes instalados em Pernambuco a fornecer aos clientes canudos produzidos em elemento biodegradável ou reutilizável. Os estabelecimentos que não cumprirem essa regra, serão punidos por conduta lesiva ao meio ambiente.

A proposta aprovada na comissão é uma junção de dois projetos que tramitam em conjunto na Alepe, apresentados por Simone Santana (PSB) e o ex-deputado Everaldo Cabral. O deste último foi desarquivado por Clodoaldo Magalhães.

“Esse é um caminho sem volta, porque o plástico ele não é degradado, e tá se acumulando no planeta Terra. E já não se sabe mais o que fazer com tanto plástico que a gente tem que começar o uso racional, já que a gente não pode abolir o uso do plástico”, ressalta Simone.

Da redação do Blog Alvinho Patriota