Vida FM Salgueiro FM

Clebel admite que está infringindo a LRF e que não cumprirá promessa das 50 creches

Unidade do Nova Semente em Petrolina

Em entrevistas concedidas nessa segunda-feira, 14, aos programas “Política em Foco” da rádio Salgueiro e ao “Espaço Cidadão” da SIM TV, o prefeito de Salgueiro, Clebel Cordeiro (MDB), admitiu que não cumprirá nos próximos meses a promessa de instalação de 50 creches feita durante a campanha eleitoral de 2016. O Nova Semente foi um dos principais compromissos firmados por Clebel com a população.

“Durante a campanha eu achava que seria muito fácil, mas a LRF não permite que eu faça nada”, alegou o gestor, admitindo que atualmente está gastando 58% da receita corrente líquida com pagamento da folha de pessoal. Pela Lei de Responsabilidade Fiscal o limite do gasto com servidores não pode ultrapassar 54% da receita, sob risco de penalização do prefeito.

O emedebista ponderou que a LRF está em 58% porque a arrecadação caiu bastante. Ele afirmou que cortou 300 cargos, mesmo assim o gasto com a folha continuou alto. Como solução, pretende aumentar a receita, cadastrando mais oito mil imóveis no IPTU e regularizando o trânsito para arrecadar verbas de multas.

Da redação do Blog Alvinho Patriota

4 comentários sobre “Clebel admite que está infringindo a LRF e que não cumprirá promessa das 50 creches

  1. Sara

    A culpa não é de Dr Marcones não que ele pelo menos Tava fazendo creche de verdade e não alugando casas e fazendo delas creche . A culpa é de clebel mesmo que nem as casas que disse que ia fazer de creche não vai ter mas só veve comparando salgueiro com petrolina.

  2. José Amaro Neto

    A grande culpa disso tudo é do Prefeito Anterior DrMarcones
    que encheu a PREFEITURA de funcionários sem ter necessidade e aproveitando os concursos para colocar os aliados de hoje em diante não tem nenhum prefeito que cumpra a LRF Lei de Responsabilidade Fiscal.

    1. Sabrina Rocha

      Não acredito que ainda gente que pensa assim, ainda viva com uma venda nos olhos, insistindo não ver o que está claro.