Vida FM Salgueiro FM

Apagão deixa milhões sem energia na Argentina e no Uruguai

Uma “falha massiva” no sistema de interconexão elétrica deixou “toda a Argentina e o Uruguai” sem energia elétrica, afirmou na manhã deste domingo (16) a Edesur Argentina, empresa de distribuição de energia do país. Juntos, os dois países somam cerca de 48 milhões de pessoas.

Na tarde deste domingo, a empresa divulgou a origem do problema.

“A falha na rede que originou o apagão em nível nacional se originou em uma conexão de transporte de eletricidade entre as centrais de Yaciretá e de Salto Grande, no litoral argentino. Isso ativou as proteções das centrais geradoras, que saíram de funcionamento e produziram o apagão.”, afirmou a Edesur Argentina.

A empresa divulgou ainda um mapa que mostra o Sistema Argentino de Interconexão Elétrica (Sadi, na sigla em castelhano). Por causa da interligação entre os pontos, o apagão acabou se espalhando por todo o país, mas algumas áreas que funcionam com outro sistema, no arquipélago da Terra do Fogo, não foram afetadas pelo problema.

Fonte: G1

Sobe para nove o número de mortos por conta das chuvas no Grande Recife

Após mais de 50 horas de buscas, os corpos de dois irmãos que estavam soterrados no local onde uma barreira deslizou, na quinta-feira (13), sobre três casas em Camaragibe, no Grande Recife, foram localizados pelos bombeiros. Com isso, subiu para nove o número de mortes provocadas pelas chuvas na Região Metropolitana.

Estavam desaparecidos Ítalo Wengel de Souza, de 13 anos, e Lucas Ricardo da Silva, de 6 anos. O corpo da criança foi localizado na noite do sábado (15), por volta das 19h30, e o do adolescente foi encontrado na madrugada deste domingo (16), por volta de 1h30. Ao todo, 20 bombeiros trabalharam na retirada dos dois corpos.

O velório de Ítalo e Lucas ocorreu às 16h no Cemitério de Camaragibe. Os dois irmãos são filhos de Edilene da Conceição, de 30 anos, que também morreu após o deslizamento ocorrido na Segunda Travessa Bom Jesus, no Bairro dos Estados.

A queda da barreira causou, ainda, a morte de outros três filhos dela: Cauã Ricardo da Silva, de 8 anos; Bianca Maria Conceição de Albuquerque, de 3 anos; e Beatriz Maria Conceição de Albuquerque, de 11 meses. Os quatro corpos foram encontrados na sexta-feira (14).

Edvaldo Ferreira da Silva Filho, de 23 anos, também morreu soterrado nesse deslizamento de barreira em Camaragibe. O corpo dele foi encontrado ainda na quinta-feira (13), mesmo dia em que a esposa dele, identificada como Larissa Lafayete Ribeiro, de 20 anos, foi resgatada com vida.

Ela foi levada para o Hospital da Restauração, no bairro do Derby, no Centro do Recife. Segundo a unidade de saúde, a paciente tem quadro clínico estável após passar por cirurgias no fêmur e no quadril.

Após a tragédia, a prefeitura de Camaragibe decretou situação de emergência, na sexta-feira (14). Os primeiros cinco corpos encontrados no local do deslizamento de terra foram enterrados no cemitério municipal no sábado (15).

Fonte: G1 PE

“Perdeu a vida para proteger a família”, diz deputada sobre marido

A morte do pastor Anderson do Carmo teria sido provocada em uma tentativa de assalto, segundo a deputada federal Flordelis (PSD), esposa da vítima. O crime ocorreu na madrugada deste domingo (16) no bairro de Pendotiba, em Niterói, região metropolitana do Rio.

Abalada, ela falou com jornalistas na porta de casa que o marido tentou evitar que os suspeitos entrassem na residência e acabou baleado.

“Eu só fui dar um passeio com meu marido, mais nada. Um passeio que acabou dessa forma, perdendo a vida para tentar proteger a casa, a família. O que ele tentou foi evitar que abrissem o portão da garagem e entrassem na casa.”

Segundo o registro de ocorrência, o casal havia acabado de chegar de uma comemoração. Familiares contaram aos policiais que a deputada teve a sensação de estar sendo seguida durante o trajeto entre o bairro de São Francisco e a residência.

Os relatos apontam também que a vítima teria sido baleada logo após ir a garagem pegar algo que tinha esquecido no carro. Anderson chegou a ser socorrido para um hospital particular da região, mas não resistiu aos ferimentos.

Em nota, a Polícia Civil afirmou que o caso foi registrado na DHNSG (Delegacia de Homicídios de Niterói e São Gonçalo) e que instaurou um inquérito policial para apurar o caso. Perícia já foi realizada na casa e no carro da vítima.

Fonte: R7

Após críticas de Bolsonaro, Joaquim Levy pede demissão do BNDES

Em carta enviada ao ministro da Economia, Paulo Guedes, o presidente do BNDES, Joaquim Levy, pediu demissão do cargo. “Solicitei ao ministro da Economia, Paulo Guedes, meu desligamento do BNDES. Minha expectativa é que ele aceda.  Agradeço ao ministro o convite para servir ao país e desejo sucesso nas reformas. Agradeço também, por oportuno, a lealdade, dedicação e determinação da minha diretoria”.

Na carta, Levy agradeceu especialmente aos  funcionários do BNDES, “que têm colaborado com energia e seriedade para transformar o banco, possibilitando que ele responda plenamente aos novos desafios do financiamento do desenvolvimento, atendendo às muitas necessidades da nossa população e confirmando sua vocação e longa tradição de excelência e responsabilidade”.

Com a demissão de Levy, o governo de Jair Bolsonaro já conta com 19 baixas no segundo escalão. Também foram afastados três ministros, sendo o mais recente, Carlos Alberto dos Santos Cruz, da Secretaria de Governo. Além dele, deixaram os cargos o titular da pasta de Educação, Ricardo Vélez Rodrigues, e Gustavo Bebianno, da Secretaria-Geral.

Críticas

Na tarde de sábado, o  presidente Jair Bolsonaro criticou e ameaçoudemitir Levy. Bolsonaro disse estar “por aqui” com o chefe do banco, que estaria “com a cabeça a prêmio”. No momento das declarações do presidente, Levy participava de um casamento, segundo informou o colunista do GLOBO Lauro Jardim.

Fonte: O Globo