Vida FM Salgueiro FM

Mais visto

Policiais da 2ª CIPM prendem acusado de homicídio em São José do Belmonte

Nessa sexta-feira, 9, policiais militares da 2ª CIPM prenderam em São José do Belmonte um homem acusado por homicídio. Cícero Domingos Pereira, 50 anos, foi preso na Rua José Carlos da Silva, na Vila Açudinho, por força de mandado de prisão expedido pela Vara da Comarca de Petrolina.

A operação teve participação dos efetivos das equipes Malhas da Lei e Grupo de Apoio Tático Itinerante (GATI) da 2ª CIPM, com sede em Cabrobó. Depois de receber voz de prisão dos policiais, o acusado foi levado para a Delegacia de Polícia Civil de Cabrobó e ficou ao dispor da justiça petrolinense.

Da redação do Blog Alvinho Patriota

Prefeitura de Petrolina prepara terreno para implantação de horta comunitária na zona rural

A Prefeitura de Petrolina, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Agrário, está preparando um terreno para implantação de uma horta comunitária no Assentamento Terra da Liberdade, na zona rural do município.

O secretário José Batista e os técnicos da pasta estiveram no local na manhã de quinta-feira, 8, para treinamento prático. Com o apoio de moradores da comunidade, as equipes executaram os trabalhos de preparo da terra e instalação dos canteiros.

Serão 0,35 hectares dedicados ao plantio de hortaliças orgânicas como alface, coentro, cebolinha, couve, beterraba, tomate cereja, entre outros alimentos.

Da redação do Blog Alvinho Patriota

Município de Bodocó passa a contar com sinais 3G e 4G da TIM

O município de Bodocó passou a contar essa semana com a tecnologia de internet móvel 3G e 4G da operadora TIM, após insistentes solicitações do prefeito Túlio Alves. De acordo com a assessoria de comunicação da prefeitura, há alguns meses o prefeito se reuniu em Recife com o diretor de Relações Governamentais e Institucionais da TIM Nordeste, Felipe Leão, para cobrar melhorias dos serviços da empresa e implantação de internet móvel em Bodocó.

Há seis dias o serviço vem sendo fornecido e está passando pelos ajustes finais para chegar à estabilidade completa. “A comunicação via internet está cada vez mais presente no dia a dia das pessoas. Este é mais um avanço para Bodocó, pois a partir desta nova ferramenta, os bodocoenses passarão a ter acesso à internet de alta velocidade, facilitando a comunicação em todas as áreas”, salientou o prefeito.

Da redação do Blog Alvinho Patriota

Polícia Civil efetua prisão de acusado por estupro em Araripina

Policiais civis da equipe Malhas da Lei efetuaram no final da tarde dessa sexta-feira, 9, a prisão de Antônio José dos Santos Neto, acusado por um crime de estupro. Ele foi localizado pelo efetivo policial na Avenida Governador Muniz Falcão, no bairro Planalto, em Araripina.

De acordo com informações da polícia, Antônio José recebeu voz de prisão e foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil local. Depois de ser autuado, foi levado para a Cadeia Pública de Araripina, onde cumprirá pena. 

Da redação do Blog Alvinho Patriota

Prefeitura de Floresta convoca professores aprovados no concurso público de 2015

Por meio do Edital n° 001/2018, a Prefeitura de Floresta convocou essa semana mais uma parte dos professores aprovados no concurso público de 2015. Todos devem comparecer à Diretoria de Recursos Humanos da prefeitura, localizada na Praça Coronel Fausto Ferraz, n° 183, no Centro.

Foram convocados profissionais para os cargos de professor de Educação Infantil, de Ensino Fundamental, de Língua Portuguesa, de Biologia e de Educação Física. Para assumir, é preciso apresentar os documentos necessários para o ingresso no serviço público, quanto à comprovação de instrução escolar ou acadêmica.

Os nomes dos candidatos chamados podem ser conferidos no site oficial da Prefeitura de Floresta.

Da redação do Blog Alvinho Patriota

Chuvas dos últimos dias enchem barragens em Salgueiro

As chuvas chegaram generosas nos últimos dias em todo o Sertão pernambucano, reacendendo as esperanças dos agricultores para um ano de boa colheita. Em Salgueiro, as precipitações pluviométricas dessa semana encheram várias barragens na cidade e zona rural.

Na zona urbana, entre os açudes que captaram um grande volume de água estão os dois do Rancho Verde; o que fica próximo à concessionária Honda e o localizado nas terras de Dr. Chico.

Nas áreas rurais há informações de açudes cheios nas regiões de Umãs, Pau Ferro, Uri e outras comunidade.

Da redação do Blog Alvinho Patriota

São José do Belmonte concede 10% de desconto para pagamento à vista do IPTU

Os moradores de São José do Belmonte passaram a contar com um sistema online para emissão de boletos bancários do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano), além do tradicional carnê. De acordo com a Secretaria de Administração, Finanças e Planejamento, quem pagar o valor do tributo em parcela única até o dia 16 de março recebe um desconto de 10%.

Depois da referida data, a parcela única pode ser quitada sem desconto até o dia 16 de abril, conforme valores impressos no carnê. Os contribuintes ainda podem optar por parcelar o valor em três vezes. O carnê já está sendo enviado às residências, mas os cidadãos podem acessar a versão online no site da prefeitura. Para isso é preciso informar o número do CPF e a inscrição do imóvel.

Proprietários de imóveis podem obter maiores informações sobre o imposto no Setor de Tributos da prefeitura. Os atendimentos acontecem de segunda à sexta-feira, das 8h às 13h. No local também é possível solicitar o parcelamento da dívida ativa em até quatro parcelas.

Da redação do Blog Alvinho Patriota

Adolescente de 16 anos é flagrado com faca peixeira no primeiro dia do Carnaval de Salgueiro

No decorrer da Operação Carnaval, na noite dessa sexta-feira, 9, policiais militares do 8° BPM flagraram um adolescente de 16 anos armado com uma faca peixeira. A apreensão aconteceu na Avenida Agamenon Magalhães, bairro Nossa Senhora das Graças, no percurso do trio elétrico no primeiro dia do Carnaval de Salgueiro.

O menor infrator foi conduzido para a Delegacia de Polícia Civil na companhia de um responsável, onde foi submetido a um boletim de ocorrência circunstanciado (BOC) por porte de arma e liberado posteriormente.

Da redação do Blog Alvinho Patriota

Homem sofre tentativa de homicídio durante briga em Salgueiro

Um homem de 31 anos, residente na Rua Irmão Olga Idelgado, no bairro Primavera, sofreu uma tentativa de homicídio nessa sexta-feira, 9, na Rua João Veras de Siqueira, na localidade conhecida como Castelinho, em Salgueiro.

Segundo informações do 8° BPM, testemunhas disseram que o homem entrou em luta corporal com um indivíduo desconhecido e acabou atingido por um golpe de faca na altura do pescoço. Ele foi socorrido para o Hospital Regional de Salgueiro e não corre risco de morte.

O autor do crime fugiu tomando rumo desconhecido, mas foi preso por policiais militares no início da madrugada desse sábado, 10, nas imediações do pátio do Carnaval. Em sua defesa, o homem de 41 anos, morador do Prado, alegou que praticou o crime porque foi agredido.

Da redação do Blog Alvinho Patriota

PF deve pedir arquivamento de inquérito contra Temer, diz Segovia

O diretor-geral da Polícia Federal, Fernando Segovia, afirmou nesta sexta-feira, em entrevista exclusiva à Reuters, que a tendência é que a corporação recomende o arquivamento da investigação contra o presidente Michel Temer no chamado inquérito dos portos.

Segundo o chefe da PF, até o momento as investigações não comprovaram que houve pagamento de propina por parte de representantes da empresa Rodrimar, que opera áreas do porto de Santos (SP), para a edição do decreto que prorrogava contratos de concessão e arrendamento portuários, assinado por Temer em maio do ano passado.

Essa é a única apuração formal contra o presidente ainda em curso perante o Supremo Tribunal Federal (STF), requerida ainda pelo então procurador-geral da República, Rodrigo Janot.

Segovia disse à Reuters nesta sexta-feira que, nas apurações feitas, não há quaisquer indícios de que o decreto editado pelo presidente beneficiou a Rodrimar. Ele destacou que a empresa não era atingida pelo decreto, que mudou regras de concessão posteriores a 1993, o que não seria o caso dela.

“O que a gente vê é que o próprio decreto em tese não ajudou a empresa. Em tese se houve corrupção ou ato de corrupção não se tem notícia do benefício. O benefício não existiu. Não se fala e não se tem notícia ainda de dinheiro de corrupção, qual foi a ordem monetária, se é que houve, até agora não apareceu absolutamente nada que desse base de ter uma corrupção”, disse Segovia.

O diretor-geral da PF também afirmou que a “principal prova obtida no inquérito”, a interceptação de uma conversa entre o ex-deputado Rodrigo Rocha Loures, ex-assessor especial de Temer, e o subchefe de Assuntos Jurídicos da Casa Civil, Gustavo Rocha, não mostra concordância de Temer com o suposto benefício.

Segundo ele, o próprio Gustavo Rocha fala no diálogo que não há como fazer ou mudar a questão do decreto e que o próprio presidente não aceitou a mudança que poderia beneficiar a empresa.

“Então, assim, os indícios são muito frágeis, na realidade, de que haja ou que houve algum tipo de influência realmente, porque em tese o decreto não foi feito para beneficiar aquela empresa”, disse Segovia.

A suspeita era que o presidente teria recebido propina, por intermédio de Rocha Loures, para favorecer a Rodrimar. Tanto o ex-assessor especial quanto Temer já prestaram depoimento no inquérito e negaram irregularidades. O presidente se manifestou por escrito.

Fonte: EXAME

MPF pede à Justiça que Geddel seja condenado a 7 anos de prisão por obstrução de Justiça

O Ministério Público Federal no Distrito Federal (MPF-DF) enviou à Justiça nesta sexta-feira (9) as alegações finais em uma ação na qual o ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB-BA) é réu por obstrução de Justiça.

No documento, os procuradores pedem que Geddel seja condenado a sete anos de prisão por ter tentado impedir a celebração de um acordo de delação premiada do operador financeiro Lúcio Bolonha Funaro.

Funaro é apontado como parceiro do ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) em vários esquemas de propina, inclusive na Caixa Econômica – o ex-ministro foi vice-presidente de Pessoa Jurídica da instituição financeira entre 2011 e 2013, no governo Dilma Rousseff.

Ao solicitar a condenação de Geddel, os procuradores argumentam que ele tentou atrapalhar investigações das operações Sépsis e Cui Bono.

Os procuradores apontam que, em um mês e meio, entre maio e julho deste ano, Geddel fez 17 ligações para a mulher de Funaro, Raquel Pita, a fim de sondar se ele faria um acordo de delação premiada.

Para o Ministério Público, os contatos de Geddel com Pita tinham como objetivo intimidar o casal, em razão do poder político de Geddel. Ainda segundo o MPF, antes da prisão de Funaro, o ex-ministro jamais havia tido contato com Raquel Pita.

Ao solicitar a condenação e a pena de sete anos de reclusão, o MPF afirma ter levado em consideração a posição de Geddel à época dos fatos narrados – o peemedebista era ministro do governo Michel Temer.

Fonte: G1

Edson Fachin nega liminar para evitar prisão de Lula

O ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), negou nesta sexta-feira 9 o pedido de medida liminar do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para evitar a prisão do petista até o esgotamento de todos os recursos no caso do tríplex de Guarujá. Ele submeteu a análise do caso ao plenário da Corte, com a participação de todos os ministros. Ao negar o habeas corpus, o ministro entendeu que o caso de Lula não pode ser analisado por ele antes de uma decisão definitiva do Superior Tribunal de Justiça (STJ), onde os defensores do ex-presidente também pediram um habeas corpus preventivo. 

Caberá à presidente do STF, ministra Cármen Lúcia, definir a data do julgamento. Ainda não há previsão de quando os onze ministros do Supremo vão discutir o habeas corpus. A defesa de Lula havia solicitado a Fachin a “direta submissão” do pedido de medida liminar à Segunda Turma do STF, colegiado composto por Fachin e outros quatro ministros: Gilmar Mendes, Dias Toffoli, Ricardo Lewandowski e o decano da Corte, ministro Celso de Mello.

Nesta sexta-feira, ao justificar o envio da questão ao plenário da Corte, Fachin entendeu que há necessidade de prevenir divergências entre as duas turmas do tribunal sobre as prisões após segunda instância. A 1ª Turma vem tomando decisões que determinam detenções de réus condenados em segundo grau, enquanto a 2ª Turma tem adotado o entendimento contrário. “Há, portanto, relevante questão jurídica e necessidade de prevenir divergência entre as Turmas quanto à questão relativa à possibilidade de execução criminal após condenação assentada em segundo grau de jurisdição”, justificou Fachin.

O ministro também citou na decisão que há duas ações relatadas pelo ministro Marco Aurélio Mello sobre a execução de pena após condenação em segundo grau, ambas prontas para julgamento no plenário do Supremo. Para Edson Fachin, assim como estas ações, o pedido de Lula “encontra no Plenário do Supremo Tribunal Federal seu locus adequado”.

Fonte: VEJA